Mudam as estações.

Iniciam-se novos ciclos.

Na vida das pessoas

Há múltiplas mudanças, também.

As minhas preferências mudaram.

 

Enquanto era jovem

Sem cautela e cuidado

Tinha paixão pelo verão.

A maturidade chega.

Crianças cuidados requerem.

Ã/As pessoas aprendem cuidados

Os quais são indispensáveis.

 

Foi-se a juventude.

As estações extremas castigam o corpo.

Vem o equilíbrio a moldar atitudes.

O outono e a primavera ganham destaque

Reorganizando a vida e

Incentivando a moderação e sabedoria,

Trazendo alegria, colorido em uma

Amenidades e reflexão na outra.

 

Isabel C S Vargas

Pelotas/RS/Brasil

15.05.2017

 

Exibições: 59

Respostas a este tópico

Isabel C S Vargas

Belíssimo, parabéns querida, bjs MIL.

Obrigado amiga querida.Seja bem-vinda ao nosso convívio virtual.bjs.

AMEI esta teu Poema!

LINDO de verdade, este paralelo entre

o Humano e a renovação que a Natureza gera!

AMEI!

Beijos de poesiaaaaaa

Chantal

Feliz que tenhas apreciado . Meu carinho.

Parabéns Isabel

Lindo poema, gostei muito.

Abraço poético,

João

Obrigado querido amigo João. Um prazer seu retorno ao convívio de todos. abraço.

Lindo. Amei

Obrigado querida DIONE. Espero  que estejas bem. bjs

Melhor a cada dia. breve estarei escrevendo

Bjus

RSS

Membros

Poema ao acaso...

Pensamento do dia

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...