QUAL LORCA, O POETA DIZ A VERDADE

Afonso de Castro Gonçalves

Quero distar minha pessoa, predigo,

dos corruptos e pulhas de plantão,

pois, sem caráter e temidos, hão

de tentar a tal coisa vã comigo

Não conseguirão. Sou filho de gente

honesta. Herdei sem falsa modéstia

o bom exemplo, sim. De luz a réstia

que resplandece o coração e a mente.

Eles não creem. Perpassam ao reles

da vida que o Pai Eterno nos deu.

Fremidos, vão por caminho viés.

Perdoem-me, sou um humano ser,

quero justiça, paz, e dar amor.

Poeta feliz, não opto por ter.

           Afonso de Castro Gonçalves, 08 / 12 / 2015

Exibições: 89

Respostas a este tópico

Poema original, cadenciado, como deve ser um bom e belo soneto.

Parabéns!

Beijossssssssssssss

Nooossa! Muito obrigado Sílvia Mota. Amo os seus poemas, enfim sua literatura. Ganhei o dia !!!

Anexos
Afonso, se este teu propósito, a maioria dos homens e mulheres levassem a sêrio, respirava-se mais paz, amor, justiça. Suponho que todos anseiam por um mundo assim, que só pode acontecer se cada um fizer o seu melhor, sem esperar pelos outros. Gandhi já dizia: seja você, a mudança que quer ver no mundo. E mudar não é facil! Porque a verdadeura mudança vem de dentro e, para isto, precisa-se de coragem. A coragem de vencermos a nós mesmos. Teu poema me fala que, neste sentido, és corajoso. Prazer te ler! Eri

Prezada poetamiga, Eri Paiva,

Com coragem e, mormente estimulado por suas belas palavras, continuaremos na boa luta em prol do Bem Comum. A poesia nos alenta, não é?

Afonso de Castro Gonçalves.

Posso convidar-te?

No grupo Teoria Literária temos dois textos a respeito do soneto. Tua leitura será uma honra:

http://peapaz.ning.com/group/teorialiteraria/forum/topics/silabas-g...

http://peapaz.ning.com/group/teorialiteraria/forum/topics/encanto-d...

Beijossssssssssss

Vi (e li) os dois textos  que tratam do soneto em Teoria Literária, e salvei-os em meu computador.

Agradeço-lhe pelos ensinamentos, caríssima Silvia Mota. Leitura obrigatória!

Abraço do Afonso.

Un hermoso soneto

RSS

Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Poema ao acaso...

PLATAFORMA LATTES

É possível registrar, para efeitos acadêmicos, os textos publicados no Portal PEAPAZ. Quando se realiza o login na Plataforma Lattes, do lado direito da tela aparece uma janela com a pergunta: "O que você quer registrar?" com a listagem dos tipos de publicações a serem registradas. Entre essas, consta: "Redes Sociais, Websites, Blogs", onde o autor deverá clicar. A partir daí abrirá uma janela, na qual se realizará o registro. É necessário preencher todos os espaços.

Badge

Carregando...
*