LEMBRANÇAS DO MEU PAI

(Homenagem ao meu pai Raimundo Torres In Memorian)

Eri Paiva

 

Das minhas lembranças te alcanço,

Alto, robusto e corado,

Numa serenidade, sem fim, mergulhado...

Doçura de olhar muito manso,

Reporto-me feliz a vê-la,

Em teus olhos azuis, semelhantes

Ao brilho de duas estrelas.

 

Nunca te vi gargalhar!

Sorrir sim, vi, quantas vezes!...

Sem nenhum estardalhar

Nem afeito à ostentação,

Mais parecias  um nobre

Dispensando ao rico e ao pobre.

O sorriso do teu coração.

 

No trato com as coisas da vida,

Nas adversidades ou desdita,

Sempre te mantinhas de pé!

A virtude da paciência

Prova-me, hoje,  que tu eras,

Um homem de muita fé!

 

 

Nunca alcancei, em teus atos,

Por qualquer coisa que fosse,

Aborrecimento ou maldade!

Nem diante de um deslize nosso

Tua paciência se alterou...

Mas reconheço que dor e saudade

Teu coração suportou!

 

Por tudo que és em mim,

Por tudo que foste em nós,

Nossa Gratidão! Nosso Amor!

 

Natal/RN – Em 10. 08. 2012

Exibições: 41

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...