Na inquietude dos dias rendo-me a cada segundo teu

Flui em mim o desejo, teu arrebatador sopro!

Nossos momentos, desgarrados de tudo, se bastam por si!

 

No trânsito intenso da cidade, a lembrança de ti…

E rendo-me à memória do toque fresco da tua língua

Desenhando meu pescoço… Rendo-me!

O calor do trânsito lento, emperrado, intenso… 

Toco na alavanca das velocidades. Sob minhas mãos,

O toque quente, redondo, acetinado.

Repousam ali… Esqueço o trânsito … e rendo-me!

Sem me dar conta, elas formam um toque de caricia

E o trânsito não anda e meu corpo arde…

É calor! É desejo de ti! De minhas mãos sobre ti…

Rendo-me à subtil memória que, de imediato me leva

A ti, aos nossos corpos se acordando um ao outro,

Numa quentura fresca,

Semelhante ao amanhecer, a uma madrugada!

Rendidos! Perdidos! Na busca do nosso mútuo oásis…

Que fonte de frescura nossos beijos e nossos corpos!

Se buscando se encontrando se afastando regressando

Em ondas de marés de sal, sem mares entre nós

Só o oceano de nosso desejo e de nossa rendição!

O trânsito continua lento sob o calor abrasador

Todos se impacientam. Eu também.

Fluis em mim, rio tórrido de paixão e desejo!

Sentir teu corpo penetrar-me,

Rolado em mim, trespassar-me forte!

Embarca-me nesse teu nosso mar!

E me terás rendida a todo o  sempre!

Chantal Fournet

5 de Julho 2016

Portugal

 

Exibições: 207

Respostas a este tópico

Bonito poema - Muito bem conseguido na imagem poética que nos faz passar "É calor! É desejo de ti! De minhas mãos sobre ti..." Parabéns

Sua visita e seu brinde deixaram-me sem jeito

prezadissimo Poeta Helder Gonçalves!

Alem de ser uma honra, deixa meu desatinado poema,

com um toque de brilho que lhe faltava...alem de agora estar em e-book !

e até nem gostava muito deste poema!

Fiquei honrada ... Obrigada!

RENDO-ME!

E-BOOK em PDF

Literatura Sensual e Erótica

PEAPAZ_E-book_Literatura_Sensual_e_Erotica_Rendo-me.pdf

Autores participantes

 

Antonio Domingos Ferreira Filho. RENDO-ME

Arlete Maria Piedade Louro. DESEJO DE UMA VIDA!

Elías Antonio Almada. YO COMPRÉ

Jorge Manuel Brites Pereira. TROUXESTE-ME PELA MÃO

José Hilton Rosa. RENDO-ME!

José Santiago. ME RINDO

Luísa Maria Valente C. Zacarias. AO AMOR!

Luiz Morais. RENDO-ME!

María Cristina Garay Andrade. ESTILO

Maria Iraci Leal. EU ME RENDO!

Maria-José Chantal Dias. RENDIDA PARA TODO O SEMPRE!

Paulo César. SUBMISSÃO INFERNAL

Rosalina Gonçalves Ramos Herai. RENDO-ME

Depois de interiorizar e libertar a emoção que apertava a garganta

fiquei  e fico...

RENDIDA PARA TODO O SEMPRE ...

.....

Ao teu labor, à tua Amizade, 

ao teu SABER e Dedicação,

ao teu site...

Poucos podem dizer, ao pertencerem a um site de Escritores,

 Assim serem prendados com um e-book e

com tantos certames e belezas de premios estimulantes!

Toda a minha gratidão e a certeza exacta

que estou acompanhada por um escol de Poetas

que deixa qualquer um no Monte Olimpo da Poesia!

Toda a minha gratidão,

querida Mestra Amiga, Silvia Mota!

beijossss

Chantal Fournet

Hoje reparei a minha enorme indelicadeza, de não ter respondido a todos quantos me dedicaram seu tempo, em preciosas linhas de apreço ao meu poema, que nem é meu filhotinho preferido ... acontece....

A minha gratidão a todos os que leram e que deixaram seu carinho comentado!

que dizer que esperar que pensar......QUE...? 

Pensei que com o E-BOOK tudo ficaria feito e todos felizes

não pensava em atribuição de Prémio!

2º lugar num certame de tão belos poemas...?

Silvia Mota...querida Mestra...

deixas-me inundada de Alegria e de Valor...

Há um mês atras eu fiz aqui a pergunta: "será que mereço?..."

Hoje penso que, não posso "insultar" a inteligência dos autores

que me dizem que é bom....!!!

Mantendo os pés bem assentes na terra sólida ... fico bem "vaidosa" de meu lugar

e de todos os meus prémios que tenho ganho!!

LIVRE ESVOAÇO ENTRE VERSOS!

GRATIDÃO!

RSS

Mauro M. Santos

Graça Campos

Carlos Saraiva

José Santiago

Lilian Reinhardt Art

De Luna Freire

Visitantes

Liv Traffic Stats

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço