Quanta quantidade de tempo
Passado e passado
Desgastado pela erosão
Que provê a vida
Quantas coisinhas denomina-se ser especial
E exclamada aos céus de relíquia
Tantos séculos...
500 anos...
Uns milênios...
Esmoreço e não sei...
Desconheço e nada sei...
"De valor inestimável, o Capitão Marvel "
Eu pensei que nem me lembrava de coisas passadas (1)
Ah! Se eu fosse você eu voltava pra mim,
Voltava sim (2)

Fim

(1) e (2) trechos de letras de musicas de Roberto Carlos e Sílvio César


Antonio Domingos
16 nov 2016

Exibições: 29

Respostas a este tópico

Lembranças... às vezes tristes, às vezes alegres...

lúdicas ou reais... mas, sempre importantes!

Parabéns!

Beijossssssssssssss

RSS

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...