Adoro o sol. Creio que não saberia viver sem ele. São muitos os idosos que não resistem aos meses de inverno, cujos dias cinzentos levam à depressão.

                     Na primavera o sol parece ser na medida certa. Nem escasso nem escaldante como no verão. Suficientemente quente e iluminado possibilitando que seus raios destaquem as diferentes nuances do colorido das flores. Seus raios se refletem no brilho do olhar das pessoas tornando o sorriso e a vida mais iluminada.

                   Setembro, início da primavera, tem sabor de recomeço, de coisa nova, de despertar e, sobretudo de esperança e alegria. Não só para as pessoas. Também para a natureza que se enfeita e comemora.

                    O sol abre as portas de meu coração. Ele se sente mais vivo e mais intenso. A vida se faz intensa. O calor, as cores realçadas e a luminosidade dão mais ânimo.

                   O sol abastece as pessoas de uma energia natural a tal ponto que é recomendado pelos profissionais da saúde como remédio, terapia para as pessoas mais

debilitadas, para as crianças e para os idosos.

                    O sol nos aponta sempre para o lado mais lindo da vida, mais brilhante, não deixando nada obscurecido, mostrando que as pessoas devem seguir seu exemplo e ser um sol na vida dos demais, ou seja, passar energia, mostrar caminhos com clareza, abastecer, sinalizar pontos importantes, não ficar parado, movimentar-se sempre de modo a atender a todos de igual forma. O sol é generoso. Pode ser impiedoso, não sendo respeitadas suas regras, indicações, mas isso em se tratando de sua fase mais intensa, no verão, não sendo o caso do sol de primavera que é equilibrado, na medida certa, no tom exato, no calor apropriado, aconchegante como os braços do amado, sempre esperado, sempre bem-vindo, jamais inconveniente, maldoso, ou desmedido.

                   O sol dá exemplo de convivência pacífica entre dois grandes astros. Ao entardecer, momento de beleza e reflexão ao observarmos o céu em um instante de beleza ímpar, veremos no céu, o sol recolher-se lentamente para dar lugar à lua que espera seu momento de encantar os seres humanos em todo seu apogeu.

                  O sol faz brotar a semente que floresce na primavera para encantamento geral. Isto para mim são os milagres que tornam a vida mais bela e as pessoas mais felizes. A natureza sempre fornece, gratuitamente, ensinamentos valiosos para quem tem olhos para aprender com ela e viver buscando a paz interior, a convivência fraterna

Com muito amor no coração.

                                                ISABEL C S VARGAS

                                                PELOTAS-RS-BRASIL

 

 

Exibições: 71

Respostas a este tópico

Crônica de especial beleza.

Beijosssssssssss

O sol nos traz sempre uma energia especial, de vida, de esperança, de recomeço...

É ele que nos fortalece com sua energia vital.

Parabéns pela crônica.

Bjs Wau.

Eu creio que não conseguiria viver sem o sol. Abraço

RSS

Membros

Designers PEAPAZ

*Sílvia Mota*

*Margarida*

*Nara Pamplona

*Livita*

*Imelda*

*Toninho*

Poema ao acaso...

Visitantes

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço