PUBLICAÇÕES REALIZADAS

PARA COMEMORAR O EVENTO

O FEITIÇO DA LUA
Marcial Salaverry

"Lua, manda tua luz prateada
despertar a minha amada"
"Não há, oh gente, oh não,
luar como esse do sertão..."
Lua que traz tanta inspiração,
lua que enfeitiça o coração...
A lua é feiticeira...
Sob o feitiço da lua,
surge a musa de beleza misteriosa...
A lua surge imponente,
aparece de repente,
e nos deixa fascinados,
com pensamentos apaixonados...
Ela tem quatro fases,
todas misteriosas...
Ora com força total,
com seu brilho colossal..
Ora vai minguando,
ora crescendo, impressionando...
Ei-la agora, Nova,
o que nos prova
o poder da força divina,
que tanto nos fascina..
Cercada por estrelas brilhantes,
qual colar de diamantes...
Despertando a inspiração
dos apaixonados do mundo,
que como se fossem meros vagabundos,
dormem a te olhar da rua,
sonhando com a amada toda nua...
Sempre musa, é a bela lua...
Lua feiticeira, lua misteriosa...

 

  

  A DICOTOMIA DA LUA

Maria Fernanda Reis Esteves

 

Bifurcam-se conceitos
Há um Astrom em todas as fases
Coisifica-se a dicotomia da Lua
É a dualidade que perpassa a fantasia

Ficciona-se o poder do feitiço
Perfila-se a simbologia de prata
Especula-se, algo, assim, imperceptível
Há todo um simulacro sem mácula
Na órbita complacente
das feições de uma mulher
artisticamente nua…

 SOL E LUA - HAICAI

Marcial Salaverry 

O sol e a lua
são os apaixonados
que não se beijam...
 

VAMOS AMAR AO LUAR
Marcial Salaverry

Quando o luar

estiver a apreciar,
feche os olhos...e sinta...
Estarei a te beijar... Pressinta...
Se com poemas fores sonhar,
e talvez até amar...
Feche os olhos...
Sinta-me te abraçar...
O amor sentirás,
numa noite de luar...

 

 Ó LUA DE FASES MISTERIOSAS

Jamaveira®

 

Ó lua de fases misteriosas

Mexe com o mar e a terra

Revoltas águas de paixões

Colheitas de amor nos corações

 

 SOB A LUZ DO LUAR
Marcial Salaverry

Sob a luz do luar,
miríades de estrelas a contar...
Dois corpos a se amar,
dois corações a suspirar...
O amor acontecendo,
de prazer vivendo...
Nada além do amor,
em seu doce torpor...
Suaves carícias,
do amor, as delícias...
Doces carinhos,
ambos, sozinhos...
Mais nada no mundo,
nesse amor tão profundo...
Dois corpos... dois corações...
duas almas... emoções...
O doce encontro do sexo...
Gostosa junção do côncavo e do convexo...
Nessa entrega total...
Num único e imenso AMOR...

 

 POEMA PARA LA LUNA
Marcial Salaverry

La luna, queda callada,
vendo una dupla apasionada...
Entonces, hace su papel,
y queda siendo... una luna de miel...
Cambio el sol por la luna,
apenas por la presencia tuya...
Principalmente si estuvieres desnuda...
Porque con amor se embelleza
Poderé amarte en marte o en la luna,
y hasta en el medio de la calle...
Para amarte en Marte,
o desnuda, en la luna,
también paseo por Venus.

 

 O ROMANTISMO DA LUA
Marcial Salaverry

Com um lindo luar,
temos um lindo poema a se formar...
O luar a nos encantar,
um poema para nos inspirar...
Inspirar para amar...
Por que parar de amar?
Com esse luar,
vamos só aproveitar...
E amar... e poetar...
O luar prateado...
Um casal enamorado,
numa linda noite enluarada..
Haja vontade de amar,
à prateada luz do luar...
Vontade de abraçar e beijar,
beijar e abraçar, sob o clarão do luar...
Então, tudo pode acontecer...
E ao clarão do luar, um grande amor viver...

 

 NA LUA COM O VOO DO AMOR
Marcial Salaverry

Para nosso amor ser bem vivido,
e para senti-lo bem sentido,
vamos pelo horizonte voar...
Assim, no céu infinito poderemos nos amar...
Voando sem destino, apenas no éter flutuando...
Assim vamos nos amando,
batendo as asas em conjunto,
nesse passeio, quero-te sempre junto....
Vamos a vida plenamente curtir,
de todos os problemas, fugir...
Voando pelo horizonte sem fim,
curtindo nosso amor, enfim...
E deixando para trás,
os problemas que a vida nos traz...

 

 O ROSTO DA LUA

 Marcia Portella

 

Perdida entre segredos meus, vejo o mar

desdobra-se imenso à meus olhos

Suas ondas  no horizonte parecem fustigar a lua

É o mar falando do meu amor no desconhecido

azul que o mistério oculta.

Sou mulher que sonha no balanço das ondas

com o eco dos meus próprios suspiros com

saudades tuas

Enquanto vela, o rosto da lua.

 

 ENTRE ESTRELAS SONHAR
Marcial Salaverry

É lindo sonhar,
e nesse sonho,
entre as estrelas viajar,
e lá, muito amar...
Nessa louca viagem,
entregar-se à gostosa voragem
de uma louca paixão,
dando à vida esta insana emoção...
Essa sua luz deslizante,
com seu brilho forte, ofuscante,
impressiona por sua beleza,
induz ao amor, com certeza...
Vamos então nos abraçar,
e de nosso amor desfrutar...
Nas ondas do amor flutuar,
e a essa doce loucura nos entregar...
Agora que juntos estamos,
e a amor nos entregamos,
perto de estrelas e cometas estaremos,
e por lá nos perderemos...

 BRILHO DA LUA 
Elamer Montenegro Neto


É um sonho ou é fantasia 

essa emoção que te extasia 
de uma mão a te procurar, 
para contigo poder dançar, 
na mansidão dessa melodia? 

Talvez mesmo o brilho da lua 
que caminha, a esmo, na rua, 
se faça hoje também presente 
quando sentir o amor fremente 
dessa vontade que te extenua. 

Nessa noite, virás como o vento 
flutuando qual flor ao relento, 
sob um manto de pele dourada, 
a feliz e febril, doce amada, 
só pensando em viver o momento...

 À LUZ DO LUAR
Marcial Salaverry

À luz do luar,
com certeza,
a mais bela serás...
À luz do luar,
tua paz encontrarás...
À luz do luar,
lá a buscar-me estarás...
À luz do luar,
lá também,
com certeza,
me amarás...

 

 SOL E LUA AMANDO...
Marcial Salaverry

Sol a quer
a presença requer
quer a lua
toda nua
lua brilhante,
amante
estrelas testemunhando
sol e lua se amando
aproximando-se
beijando-se
entrelaçando-se
sol quer a lua
nua
em noite estrelada
não a quer apagada...
Lua cheia,
lua nova
lua minguante
lua crescente...
Tantas luas,
e apenas um sol...

 

LUA NOVA

Edir Pina de Barros

 

Já fui a lua do teu céu em noite escura,
Luzente lua cheia, intensa, purpurina,
Tendo ao meu lado a tua estrela matutina,
Sentindo dentro d’alma só amor, candura!

Já esgarcei, da noite tua, o véu, cortina,
Co’s feixes meus de luz, co’a minha iluminura!
Já mergulhei nos astros teus com tal loucura
Que conheci do amor maior, a luz divina!

O teu amor se foi! E nada mais restou!
E no teu céu escuro andejo, por te amar,
Lembrando tempos outros em que fui feliz!

Hoje não mais me vês! E lua nova sou!
No céu de tua vida já não sou luar...
E nada sou além daquela que te quis!

  

 Um tênue fio de luz
desenha tanta poesia...
Se a Lua Nova seduz,
pequena trova alumia.

Aurea Charpinel

 

 Se a lua nova alumia
pequena trova tão bela
quem sabe também um dia
cure a minha dor, procela

 

Edir Pina de Barros

 

 LUAU AO ROMANTISMO DO LUAR
Marcial Salaverry

Um luau em noite de lua cheia...
Doce luau com o romantismo do luar...
Com o luar
nosso caminho iluminando,
melhor estaremos nos amando,
sempre sentindo
o calor de nosso amor,
mantendo nossa alma vivente,
de amor sempre carente,
sempre desejando mais carinhos,
sempre querendo
percorrer novos caminhos
assim, de mãos dadas,
corações unidos,
pelos doces caminhos percorridos...

 

 ASSIM É A LUA
Marcial Salaverry

A lua aos amantes
sabe inspirar,
estimulando-os a amar...
Você nua,
à luz da lua...
A lua rindo,
você sorrindo....
Eu olhando,
e me desatinando...
Toquei-te...
Amei-te...
Beijamo-nos...
Amamo-nos...
À luz da lua,
e de miríades de estrelas...

 

 NÃO SOU DE NINGUÉM...

Sandra Galante

Não sou tua sou do mundo

Sou uma incógnita incontida
Estou farta de tantas juras
Juras não cumpridas,que me deixam perplexa
Não sou exclusiva de ninguém
Tenho vida própria,sou a rainha da noite...
Saibas que mesmo com meu encanto,

Muitas vezes te passo despercebida
Relegada pelos teus sentimentos.
Sou bruxa sim, mas sou também fada...
Ilumino-te nas tuas noites escuras
Te inebrio com meus mistérios
Te amedronto com as minhas sombras
Não serei jamais de ninguém
Serei sempre eu a eterna e linda lua.

 

 SOB A LUZ DO LUAR

Marcial Salaverry

Sob a luz do luar,
miríades de estrelas a contar...
Dois corpos a se amar,
dois corações a suspirar...
O amor acontecendo,
de prazer vivendo...
Nada além do amor,
em seu doce torpor...
Suaves carícias,
do amor, as delícias...
Doces carinhos,
ambos, sozinhos...
Mais nada no mundo,
nesse amor tão profundo...
Dois corpos... dois corações...
duas almas... emoções...
O doce encontro do sexo...
Gostosa junção do côncavo e do convexo...
Nessa entrega total...
Num único e imenso AMOR...

 

COMPOSIÇÃO POÉTICA

Arlete Brasil Deretti Fernandes

 

Eu, lua.
Tu, poeta.
Nós, poesia completa.

 

  

UMA LÁGRIMA NA NOITE

Arlete Brasil Deretti Fernandes

 

Sobre o mar prateado e amarrotado,
A lua branca sobe à passarela do horizonte
Vestida com um traje de gala preto.

Quantos segredos, quantas escritas esconde,
Testemunha de amores loucos, paixões insanas,
De juras eternas...

Ela segue quieta, a proteger amores,
A inspirar os poetas, os românticos sonhadores,
Desde os tempos mais antigos,
Deles fiel companheira...

Tem como sina brilhar, e na madrugada,
Por onde foge a sideral brancura?
Escorre, como uma lágrima na noite,
Vai esconder-se em seu ninho de ternura.

 

 A LUA CHEIA EMPRESTA A LUZ ETÉREA AO MAR SENTIMENTAL

Maria Luzia Fronteira


A lua cheia empresta a luz etérea ao mar sentimental

E anuncia ao universo lida im.par…talhado verso
E preparam-se cantares de lua cheia
Conforme a encruzilhada destinada imposta posta
Margem ou escolhida vida im.par
E o festim começa assim sob condição
Sem par
Olhares hipnóticos cruzam corpos
Baloiçam, deslizam conforme o aconchego da brisa
Salientes tacteios beijos se abrem e fecham
E toques subtis se lançam ao alto mar excitação
Espasmos…cópulas orgasmos
Elementos constantes transmutam
Na foz da chama posta gerada ascensão
Em fase de lua cheia.
Se impar
A noite é dia e o dia é noite
No bravio mar do rio
E a lua cheia empresta a luz etérea ao mar sentimental
…e, e isso é lá com a lida im.par traçada.

 

Funchal 29 de Outubro de 2009

 

 Da lua, solitário astro que o céu

acolhe, redonda,

guardo a luz serena, macia,

segredando as palavras mágicas

que nunca te disse...

 

Se olhando descobrires meu segredo

verás,

entrelaçado no teu olhar,

a grandeza do amor

derramado no luar!

 

Lua, lua...

Que paixão é esta

que não se aquieta

e se mostra nua?

 

Paulo César

 

Quero-te como quero a lua,

com amor crescente, nua,

o amor não míngua, sempre se re...nova...

 

Marcial Salaverry

 L embrança de amor,
U nindo cada coração,
A colhendo com calor!... 

 

Miguel Piçarra

 

 LUA CHEIA

Lua cheia no céu azul

Imagem provocando suspiros
O amor esta nesta imensidão

Dely Thadeu Damaceno
Shimon Goldwyn

 

 LUA E RIO
Márcia Portella


No rio Araguaia
A lua chega nua
sem pudor oferecendo
seu reflexo
Derramando seu amor

 LUA CHEIA

Aurea Charpinel


Lua cheia de poesia
Branca e linda - aonde passa
Até parece Maria
Derramando sua graça...

A Lua cheia de graça
Que se derrama na rua
É vinho branco na taça...
É minha boca na tua.

 

RAIO DE LUA
Jamaveira®


Seus cabelos dourados ao reflexo
Lembram magia de noite enluarada
São raios de luz cintilantes
Clareando caminhos deslizantes
Caminhos que levam ao carinho...
Pele clara, macia... É moldura de tanta beleza
Olhos astutos e ternos fitam todos os mistérios
Sabem desvendá-los e guardá-los em segredo
Na alva manhã que prenuncia a primavera
És tu a flor mais bela o jardim da aurora
Encantaste o beija-flor, busca te encontrar
Sabe ser ao teu lado o paraíso encantado.

 LASCÍVIA DA LUA

Maria Luzia Fronteira


A lua saiu esta noite

A passarela sensual preparou o desfile
Os versos corriam…desejos
Cores fogosas arrebentavam
Num magnifico artificio libidinoso
Era folia…amor, sobejo de anseio carnal
Começava a dança do evento
A passos cadenciais
Alvíssaras senhor! O beijo ao de leve surgiu
Na face, na boca, no pescoço
As carícias emergiram
As línguas seguiram o trajecto até ao umbigo
Desceram vagarosamente até ao centro
Gozando o prazer subjugado
Destrancaram-se as algemas
Entrelaçaram-se os corpos
E os passos de dança inventaram subtemas
Alternaram-se os copos, saíram poemas
Expulsaram-se orgasmos sem fim
E os corpos ficaram num só desmaio
Assim:
Cores fogosas arrebentavam
Num magnifico artificio libidinoso.

 

 ODE À LUA

Marcial Salaverry

 

Lua, que inspira os namorados,

Lua, que acende os apaixonados,

Lua, que indica o caminho aos navegantes,

Lua, que nos dá sua luz,

Lua, que tem os segredos do amor,

Lua, que se não tem do sol o calor,

Lua, tens a força do amor...

Lua, bela e misteriosa...

Lua, que mexe com a mar...

Lua, ilumine o caminho para o encontro do amor...

Lua, que é o exemplo do amor verdadeiro...

Lua, amas o sol... mas não o tens por inteiro...

Lua, amas sempre... à distância...

Lua, responda-me é assim o amor?

Lua, para ser verdadeiro... é assim?

 

 LUA

Mel Racional

 

Inspiradora dos amantes

Dos poetas, dos cantores românticos

Dos namorados e dos amigos sem saber onde vão parar

Porque estão apaixonados...

 

Seu brilho reflete em todo horizonte

Dizendo em viva voz eu resplandeço...

Eu vivo para dar claridade aos homens

Que nas trevas não sabem andar e, assim, eu quem padeço...

 

Lua leva a tua luz prateada e desperta

A pessoa amada diz aonde ela deva estar...

Lua não me deixa aqui viver a esperar

Eu sofro muito a falta do seu luar!...

 

 FEITIÇO DE LUAR

Mônica Pamplona

 

Inspira-me o luar incandescente

Que reflete,/e mexe/,sobre as ondas do mar

Lembranças de nós dois, em um verão quente.

Noturno na praia, - Carícias a derivar -

 

Mera ilusão de um amor eterno

Emaranhado de paixão,clima e excitação

A lua cheia induz corações alternos

Em uma longa entrega,sem premeditação.

 

Estranho feitço que nos envolve a lua

Adentra a madrugada e a noite continua

Entre o vento,o mar e dois apaixonados

 

O desejo em corpos envolventes - que nos sacia -

Mas logo se foi o verão, - estamos separados -

Restou somente a lua como companhia.

 Quando está assim lasciva a lua,
o amante espera pela amada,
deseja vê-la à luz da lua, vestida de nua...

 

Marcial Salaverry

 

 Karina Campos

 

 

Karina Campos


TERTÚLIA ENCERRADA

Grata a todos os autores pelo sucesso!

Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz
Criadora da Rede Sócio-Cultural Poetas e Escritores do Amor e da Paz

 Moderadora do Grupo Tertúlias Poéticas

Exibições: 164

Respostas a este tópico

RSS

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...