Ano VI. Tertúlia Poética nº 1 - Edição nº 66 - 8 abril 2015 - Tema: 5° Aniversário do Portal PEAPAZ

Tertúlia Poética nº 1 - Edição nº 66

- 8 abril 2015 -

Tema: 5° ANIVERSÁRIO DO PORTAL PEAPAZ

Forma literária: Livre

Número de publicações: Livre

Prêmio de participação

As publicações serão realizadas nos blogs dos autores

Para publicar clique aqui

PARTICIPANTES:

Arlete Brasil Deretti Fernandes.  ANIVERSÁRIO DO PORTAL PEAPAZ

Arlete Maria Piedade Louro. PARABÉNS PEAPAZ

Isabel Cristina Silva Vargas. O QUE É A PEAPAZ?

Janete Francisco Sales Yoshinaga. PEAPAZ PORTAL POÉTICO, SUBLIME INSPIRAÇÃO!

João Pereira Correia Furtado. PARABÉNS PEAPAZ

José Hilton Rosa. ANIVERSÁRIO PEAPAZ

Laís Maria Müller Moreira. FELIZ ANIVERSÁRIO PEAPAZ! - PALCO

Leti Ribeiro. HOMENAGEM PORTAL DA AMIZADE PEAPAZ

Lúcia Guedes (Lufague). PEAPAZ

Marcial Salaverry. FELIZ ANIVERSÁRIO PEAPAZIANOS

Maria das Graças Araújo Campos. FELIZ ANIVERSÁRIO, PORTAL PEAPAZ!

Paulo César. PEAPAZ: PORTA DO NOSSO INFINITO

Regina da Conceição Madeira Gôda. FELIZ ANIVERSÁRIO, PEAPAZ!!!

Rosalina Gonçalves Ramos Herai. ANIVERSÁRIO PEAPAZ

Viviane Schiller Balau. PORTAL PEAPAZ

Exibições: 343

Respostas a este tópico

Gif de grande beleza!

Beijossssssssss

Te

 Dia Internacional da Mulher-  2015.          

 

                       Ser mulher é:

                        Ser filha, é: ser carinho,

                         bondade e Gratidão.

                        Ser esposa

,                       Ser irmã,

   

                        Ser mãe,

                         Ser neta.

                                                                Ser amiga,

                                                                Ser profissional,

                                                                Ser companheira,

                                                                Ser guerreira.

                                                                Ser valente.

                                                                Lutar pelos direitos

                                                                E pelos deveres

                                                             Que possui na família .

                                                                 E na  sociedade.

                                                

                           Chorar a cada lembrança,

                           Buscar  forças que parece não encontrar.

                           A mãe lembra dos pequeninos

                            E   diz:   -Não parece que já passou

                            Todo   este tempo.

                             E para voltar no tempo

                            Será possível   somente as lembranças.

                           

                            O filho tão amado que amamentas  e que

                             Acalentas.

                             Que orientas e que sabes que não é teu,

                              Porquê ninguém é de ninguém.

 

                    

                              E quando os pássaros voam do ninho,

                              com eles vai um pedaço da alma  da  mãe.

                              E quando ele vai para a outra vida,                          

.

 

                           Ao nascer, a menina

                           mulher traz consigo

                          O dom do amor, da bondade, da

                          Ternura, Alegria,e resignação.

                           Que sempre terá de usar a vida inteira

                           Se quiser sobreviver e ser feliz.

                            

 

                           Mulher,  é  preciso que desenvolvas

                            Muitas aptidões.para vencer na batalha.

                           Que cresças forte e delicada,

                           Como as violetas que nascem

                            Pequenas e humildes,

                            E que mesmo escondidas tem a

                            Mais bela cor e perfume.

 

                            É preciso ser forte, mas também simples,

                             Para vencer os embates da vida.

                             És uma divinal e triste figura

                             Quando acolhes em teus braços

                             Um pedaço de tua vida  que te é tirada.

.

                             É preciso esforçar-se sempre para ser melhor.

                             Mulher,  para alguns tu és:

                              Espécie de ídolo,  Uma luz, um olhar,

                              Mas sobretudo  És Harmonia! E Paz.

 

                              

 

                                     Arlete Deretti Fernandes

                                                     Brasil

 

                         

.

 

                          

 

rtúlia poética n. 1  Ed. no. 66   Tema: 5° Aniversário do Portal PEAPAZ      08-04- 2015.

Oi gente tentei ler os textos acima não abriu nenhum ...deu erro no servidor. ..

Os links estavam com o endereço antigo do PEAPAZ, mas agora poderás ler todos os textos. Beijosssssssss

RSS

Membros

Poema ao acaso...

Pensamento do dia

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...