TRÍVIOLETRA TC: PAPAI

P rofessor ímpar // compreensão ilimitada // sonho perfeito. (3)

A mesa vazia // saudade dói  //  Pai herói (5)

P onte do meu caminhar // ESTEIO DO MEU SER // gotas de amor (1)

A mor em semente // sol que aquece // a vida que germina (4)

I nigualável // confiança cabal // lembrança, força vital (2)

Chantal Fournet - 1

Laís Müller - 2

João Furtado - 3

Marcia Portella - 4

Dione Fonseca - 5

TRÍVIOLETRA TS: PAPAI

P onte do meu caminhar // ESTEIO DO MEU SER // gotas de amor (1)

I nigualável // confiança cabal // lembrança, força vital (2)

P rofessor ímpar // compreensão ilimitada // sonho perfeito. (3)

A mor em semente // sol que aquece // a vida que germina (4)

A mesa vazia // saudade dói  // Pai herói (5)

Exibições: 176

Respostas a este tópico

Queridos Poetas o nosso grupo Trivioletra, tem que marcar sua presença nos eventos do e no Dia do Pai! Seria triste se não o fizessemos! e poderemos fazer no máximo 2 poemas "PAPAI", para mais poetas poderem participar caso o desejem!!

Mas Julgo tal como o Dia da Mãe o sentir perdura em redor do Dia sem estar compartimentado no calendário!

Vamos então trivioletrar em nome de cada PAPAI que habita nosso coração??!

Beijossss a todos

Chantal Fournet

I nigualável // confiança cabal // lembrança, força vital (2)

Laís Müller -2

Grata querida poeta!!

Este  Poema Trivioletra não está a ter muito sucesso!!! rsrs

Vamos que vamos!! há-de ser feito!! E com profundidade como merece !!

Beijossss

Chantal

Querida Chantal, pasme que só hoje  acordei, que tinha sido lançado!!!!!!

Papai e esteio do meu ser 

Uma síntese perfeita 

ideal para estes dias, onde são tão raros os pais presentes!!!!!

Maravilhoso!!!!!!!

beijos

Querida Laís, com tanta mensagem que tem chegado do PEAPAZ, é natural que não tenhas visto, quando o lancei que ainda por cima era num Domingo...Dia do Pai!!! kkkkk

Sabes que o tive de alterar??! quando cheguei às 13h no computador, (não tenho outra forma de entrar em mail ou Peapaz, pois meu celular sóooo entra no FB...dái prá frente so leio o que está feito mesmo no FB!!!!) mas, dizia eu, leio o teu poema em que dizias Meu esteio... eu tinha feito o meu t às 3h da manhã, já na cama e no dito celular! gravei e disse "amanha publico!"

Agora lê bem!! ahahaha MEU 2º MOTE DIZIA: meu esteio...... PODE TAL?!?!?!!? É claro que alterei mas não tirei a palavra esteio pois era mesmooooooo o que eu sentia, que era para se dito! rsrs

Precisamente pelos pais pouco presentesssssssssssss.........

Estórias de vizinhanças muy cerquitas!!!!

jinhos

Chantal

P rofessor ímpar // compreensão ilimitada // sonho perfeito. (3)

João Furtado - 3

A mor em semente // sol que aquece // a vida que germina (4)

A mesa vazia // saudade dói // Pai herói  (5)

Dione Fonseca - 5

RSS

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...