Não sendo cravo e canela

Meus tributos meu prover

Sou ambígua em parcela

Ser menina, sou mulher.

M.P.

Exibições: 118

Respostas a este tópico

Mais uma para minha coleção das "preferidas". Bjs.

Grata pelo carinho, Paolo.

Sua presença me honra.

Bjsss.

A ambiguidade, as contrafeições, tudo o que desafia o ser humano.

Dicotomia e opostos muito bem explanados, numa quadra valente, que não teme  nada, e não camufla os sentimentos.

Bravo Mônica!!!!!!!!!!

Shooowwwww!!!!!!!!!!!

beijos

Sempre gentil, querida Laís.

Obrigada, pelo grande incentivo.

Bjsss, no coração.

Querida Trovadora!

que linda ambiguidade rsrs

Ser Mulher é ter isso

todo o Charme terrivel desse travo...

entre a canela e o cravo...

mais o toque da pimenta!!!!

mil beijos de poesiaaaaa

Chantal

Um toque apimentado, faz a diferença.  rsrsr

Chantal querida, obrigada, sempre.

Bjsss.

Mônica do S Nunes Pamplona

Querida Mônica, que lindo, demaissssssssssssssss,

amei, parabéns maravilhosa trovadora, bjs MIL.

Bjssss miiillllll, pra vc, querida amizade.

Mônica,

Fantástica esta forma de poesia.

Adorei teus versos!

Bj no coração.

 

Agradeço o carinho, linda Claudinha.

Bjsssss.

Bravooooo  /

Esqueceu de dizer que  és Estrela /

Suas trovas sõ sempre perfeitas : sentido e sentimento. 

Bjsss Wau

Estrela é vc, querida amiga.

Que abrilhanta nossa poesia!

Carinhos, no coração.

RSS

Membros

Designers PEAPAZ

*Sílvia Mota*

*Margarida*

*Nara Pamplona

*Livita*

*Imelda*

*Toninho*

Poema ao acaso...

Visitantes

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço