Olhou para cima, para o infinito

O ar enchia-lhe os pulmões

Nada dizia perante os mitos

Com sensibilidade conhecia os corações

Como águia desejava voar

Como beija-flor sentir o perfume 

Como estrelas ler o céu

E com o sol apreciar a vida

Nos braços pulseiras brilhavam

Cabelos longos e soltos 

Pele corada pela emoção

Dançar na terra com o coração

Rodopia, rodopia no encanto desse dia

O vento sopra e conta as estrelas

A noite cai contando segredos

Tudo brilha envolta a magia

Seu coração voou de alegria

Rosalina Herai

Campo Grande MS 

Brasil

Exibições: 33

Respostas a este tópico

O vento sopra e conta as estrelas

A noite cai contando segredos

Tudo brilha envolta a magia

Seu coração voou de alegria

 Rosalina Gonçalves Ramos Herai 

Belíssimo poema querida amiga Rosalina Herai, mil aplauso.

E terminou com chave de ouro, lindo!!!

Obrigada pela honra de sua maravilhosa presença.

Um dia de paz

Beijos

Muy buen trabajo, lo aplaudo

Estimada poetisa Rosalina, parabéns pelo seu lindo poema, que Deus te abençoe sempre escritora, e que possas sempre escrever e compartilhar conosco. Tenha uma boa noite, poeta Malume do Brasil. 

Como águia desejava voar

Como beija-flor sentir o perfume 

Como estrelas ler o céu

E com o sol apreciar a vida

Lindissimo teu Poema querida poetisa Rosalina Heray!

Meu aplauso do vindo do coração!

Chantal Fournet

RSS

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...