Antonio Carlos Santos Rocha
Compartilhar

Amigos de Antonio Carlos Santos Rocha

  • Luciano Spagnol
  • María Cristina
  • Antonio Cabral Filho
  • MARIO ROLANDO VIDES ALVARADO
  • Efigenia Coutinho
  • Nieves Merino Guerra
  • Maria Iraci Leal
  • Janete Francisco Sales Yoshinaga
  • Vera Regina Cazaubon
  • Waulena d'Oliveira Silva
  • Poeta Malume do Brasil.
  • Sidnei Piedade
  • Maria das Graças Araújo Campos
  • Lais Maria Muller Moreira
  • Arlete Brasil Deretti Fernandes

Música

Carregando...
 

Página de Antonio Carlos Santos Rocha

Informações do Perfil

1 - Indicar teu nome verdadeiro, por completo, e o nome a ser usado no Portal PEAPAZ.
antonio carlos seminale
2 - Local da tua residência: cidade, estado e país. Por motivos de segurança, não indicar endereços completos.
cidade do rio de janeiro
4 - Traça-nos tua trajetória no âmbito das artes/literatura/ciência.
sou médico pediatra formado há 41 anos,dediquei a atividade acadêmica em pediatria.LI SOBRE FILOSOFIA,RELIGIÕES COMPARADAS
5 - Concordas que utilizarás o Grupo Sensuais e Eróticos SE publicares imagens de nu explícito?
SIM
6 - Link para site/blog próprio.
SIM

A riqueza de um mendigo

Soneto dedicado a minha esposa Bernadete

Deveras,sei que nada tive,não nego
Ah!Mundo vil,que não sente o que digo!
Doei minh’alma,ideais tornei-me cego
Porém,guardei a riqueza de um mendigo

Esta ternura do meu bem querer,em mim
“Ah!vasto mundo vedes me,pois, desnudo”
Não roubes,o que não me possas dar,enfim
Posto que,na dor,o coração sofreria mudo

Amo,sem limites, venturosa amada,
Permitas,apenas,que eu vele teus sonhos
E,guarde,na mente a beleza estampada

És,assim,deste mendigo,que,por ti,chora

O meu Tudo que se move em meu peito
A parar ,de amor,meu coração,nesta hora

publicado no Recanto das Letras

Fotos de Antonio Carlos Santos Rocha

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Blog de Antonio Carlos Santos Rocha

Fim de um poema...

Postado em 10 setembro 2017 às 15:02 0 Comentários

Fim de um poema

Findara o poema,contudo,sentia,

Qu’as entrelinhas,indizíveis ditos,

Gritavam ,em meu Ser,versos aflitos!

Minh’alma se uniu à delicada poesia...

O poema,não mais dizia,calado ficou,

Mas,restava,silente,d’agonia no peito,

Qual leve ninho de passarinho desfeito,

Falava,apenas,do que fora e agora sou...

Reli o poema semi morto, insana procura...

Ouvi do silencio a voz, retumbante grito.…

Continuar

A casa da andorinha

Postado em 4 setembro 2017 às 11:37 2 Comentários

A casa da andorinha



Vendo aquele ninho caído...



Saudade não visita,não grita,nem chora...

Caem pingos da chuva,alegre ladainha,

Paz que sorri,mora na casa da andorinha...

Contudo,imenso vazio invade nesta hora.

Qu’esta dor atroz,que ,deveras,acompanha,

Não bata à tosca porta da casa da andorinha!

De minh’alma a fraca voz , agonia tamanha!

Não conteve daquele sofrer que se avizinha.

Na…

Continuar

Ultimas palavras De Abelardo à Heloisa

Postado em 21 agosto 2017 às 14:42 0 Comentários

Ultimas palavras...

De Abelardo à Heloisa

Tudo está ,assim,tão ermo , diferente,

Sedosa bruma fina e branca neblina...

Antes,contudo,que ascenda à colina,

Teus olhos fitar por segundo somente!

Tu’alma deitará sobre mim,fino pranto,

E ,em doce acalanto de solitária cotovia,

Ouvirás canções de quem sonhava tanto!

Sedosa bruma fina e branca neblina caia

Dissipai este véu que meus olhos turva!…

Continuar

D'alma delicadeza soneto

Postado em 7 agosto 2017 às 14:53 1 Comentar

D’alma delicadeza

Ave noturna que encanta nesta hora,

Dá-me de tua delicadeza ,doce prece,

Pois,se minha natureza morta pudesse,

Faria que a torpe angustia fosse embora!

Traga,pois, a leveza que suplica minh’alma!

Qual sutil pegada d’abelha em branco lírio,

Deixa poeira d’estrelas sobre supina palma,

Afasta a treva a luz da vela de tosco círio !…

Continuar

Caixa de Recados (54 comentários)

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Às 11:11 em 23 setembro 2016, Maria Iraci Leal disse...

Antonio Carlos Santos Rocha

Estimado amigo poeta,

que teu dia seja abençoado

com saúde, paz e amor, alegrias,

hoje e em muitíssimos outros mais,

FELIZ ANIVERSÁRIO, bjs MIL.

Em 9:06am on setembro 23, 2016, Evandro Jorge do Espirito Santo deu para Antonio Carlos Santos Rocha um presente...
Presente
PAZ E BEM ! PARABÉNS !
Em 12:01am on setembro 23, 2016, Dulce de Souza Leao Barros deu para Antonio Carlos Santos Rocha um presente...
Presente
Antonio Carlos, Parabens! Muitas alegrias efelicidades. Bjo.
Às 11:34 em 8 janeiro 2016, Maria das Graças Araújo Campos disse...

Obrigada pela mensagem em Olhos de Mar e Mel.

Felicidades! 

Às 11:32 em 8 janeiro 2016, Maria das Graças Araújo Campos disse...



Em 8:19pm on setembro 25, 2015, Vera Regina Cazaubon deu para Antonio Carlos Santos Rocha um presente...
Presente
Bom final de semana amigo, abraços
Em 4:36pm on setembro 23, 2015, Marcia Portella deu para Antonio Carlos Santos Rocha um presente...
Presente
Antonio que os momentos felizes sejam constantes em sua jornada...Esteja feliz
Em 1:55am on setembro 23, 2015, Arlete Brasil Deretti Fernandes deu para Antonio Carlos Santos Rocha um presente...
Presente
Parabéns, Antônio Carlos! Muitas Alegrias para vc. e sua família. Abraço. Arlete.
Às 22:04 em 22 setembro 2015, Maria Iraci Leal disse...

Antonio Carlos Santos Rocha

Poeta, que tenhas um dia abençoado e,

muitíssimos mais com alegrias, muita saúde,

paz e muito amor junto aos teus,

FELIZ ANIVERSÁRIO, beijos, MIL.

Às 21:17 em 22 setembro 2015, Waulena d'Oliveira Silva disse...

Poeta, muitas foram e são as felicidades que encontramos aqui, nesta Casa.  Oportunidade única de conhecer pessoas, de ver desabrochar talentos !! Esse é o maior dos presentes !

Bjss Wau

 
 
 

Membros

Poema ao acaso...

Pensamento do dia

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...