Aristides Dornas Júnior
  • Masculino
  • MOEDA - MInas Gerais
  • Brasil
Compartilhar

Amigos de Aristides Dornas Júnior

  • Marcos A. N. Morais
  • Críspulo Cortés Cortés
  • Antonio Carlos M. G. Saraiva
  • Dione Fonseca de Barros
  • María Cristina
  • ROSEMARIE PARRA
  • Aecio Kauffmann Colombo da Silva
  • Nieves Merino Guerra
  • Maria Iraci Leal
  • Waulena d'Oliveira Silva
  • Paolo Lim
  • Sidnei Piedade
  • Lais Maria Muller Moreira
  • Marcia Portella
  • Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ
 

Bem-vindo(a), Aristides Dornas Júnior!

Últimas atividades

Aristides Dornas Júnior curtiu a postagem no blog Oferendas da vida de SELDA MOREIRA KALIL
14 Out
Aristides Dornas Júnior curtiu a postagem no blog eu só quero que me entenda de Livita Silva
12 Out
Aristides Dornas Júnior deu um presente para Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ
11 Out
Posts no blog por Aristides Dornas Júnior
11 Out
Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ curtiu a postagem no blog A literatura chega a um limite de Aristides Dornas Júnior
1 Out
Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ comentou a postagem no blog A literatura chega a um limite de Aristides Dornas Júnior
"A Literatura, de modo geral, seja jurídica, filosófica ou científica, alcança um patamar no qual o desprezo permeia de ponta a ponta. Poucos são aqueles que se interessam pela leitura - essa interação…"
1 Out
Aristides Dornas Júnior compartilhou o post do blog de Sidnei Piedade em Facebook
1 Out
Aristides Dornas Júnior comentou a postagem no blog Eu sou_Texto_Sidnei Piedade de Sidnei Piedade
"Parabéns, poeta. Você realmente é texto."
1 Out
Aristides Dornas Júnior curtiu a postagem no blog Eu sou_Texto_Sidnei Piedade de Sidnei Piedade
1 Out
Posts no blog por Aristides Dornas Júnior

A literatura chega a um limite

        A literatura chega a um limite no que tange às publicações através do livro impresso em papel. O livro passou a ser vendido com um sabonete ou uma vassoura. Por maior que seja a novidade que ele contenha, o público está se cansando do que está sendo escrito atualmente. A reprodução através de textos do que autor vê na realidade o leitor vê e sente na própria carne. Por que escrever sobre um pivete, um operário ou um magnata, se eles conhecem melhor do que o autor a sua própria…Ver mais...
1 Out
Aristides Dornas Júnior atualizaram seus perfis
30 Set

Informações do Perfil

1 - Indicar teu nome verdadeiro, por completo, e o nome a ser usado no Portal PEAPAZ.
Aristides Dornas Júnior
2 - Local da tua residência: cidade, estado e país. Por motivos de segurança, não indicar endereços completos.
MOEDA - Minas Gerais - Brasil
3 - Como chegaste ao Portal PEAPAZ?
Pela Internet
4 - Traça-nos tua trajetória no âmbito das artes/literatura/ciência.
Cursou FILOSOFIA, na FAFICH/UFMG, sem terminar o curso. Premiado em concurso de contos com o texto OTACÍLIA. Premiado na I Bienal do Livro de Belo Horizonte, com o texto O MÁGICO REAL, sobre MURILO RUBIÃO. Publicou ESTES FRACOS POEMAS, O MINEIRO ADÂMICO, ONDE A VIOLA ENCOLE A SANFONA e TEXTOS DÍSPARES. Tem participação com contos e poesias em diversas antologias.
5 - Concordas que utilizarás o Grupo Sensuais e Eróticos SE publicares imagens de nu explícito?
Não.
6 - Link para site/blog próprio.
Aristides Dornas Júnior
7 - Insira aqui os links para teus perfis nas Redes Sociais.
Aristides Dornas Júnior
8 - Publica três poemas ou textos da tua autoria.
TOPOS SECRET

Minas é seio em montanhas
onde vige o sertão dentro
de mim
de ti
de você sentado aí
no banco do jardim.

Minas é o meu país
artístico
onde vige a arte sacra
a profana arte
e até o pornográfico gozo
de gravar poemas
em troncos d'árvore ou
em lodo de pedras molhadas.

Minas é o topo das serras
e dos rios
rio são francisco deságua
nordestinamente
no mar porque minas é a história
de vaqueiros supridores de
mineradores. Ai, ai! MInha
minha mina de prata, minha
dileta espôsa e um segredo
jazente dentro
em mim ou
em meu coração vagalume eterno
porque minas
também vige em noturnas noitadas.

POEMA DE NADA

A língua pode ser
estrangeira ao poema
e o poema não pode
ser estrangeiro à língua
um e outro sobrevivem
de si em mútua troca
de parcerias infindas.
Só o poeta precisa
estudar a língua
ler os dicionários
partilhar de outros
a infinda poesia.
Posto isto vamos ao
poema do poema
onde pode jazer ou não
toda a poesia ou só
um resto dela, posto
que em tinta e papel
tudo é ser gêmeo do irmão.

VELHA CANÇÃO DO FILHO PRÓDIGO

Ele partiu primeiro a cavalo
e não voltou
por que terras anda esse
sem juízo afinal?

Depois tomou o navio e por mares
cansados de
/ser /desbravados
vomitando ao balanço das ondas
não voltou.
Por que terras anda esse que
"será que volta?"

POr último, comprou uma aérea passagem
e aereamente deixou o pensamento
deste pai pródigo de saudades

e de tristeza também pelo que perdeu.

A VOLTA

         Meus amigos, voltei para vocês. Tive de me desfazer de muitos compromissos para poder voltar. Não sei se serei bem recebido, mas como o portal se denomina Poetas do Amor e da Paz, espero boa acolhida. Prometo para amanhã, domingo, um novo texto. Até lá. 

Aristides Dornas Júnior 

Blog de Aristides Dornas Júnior

ADEUS Á DISPONIBILIDADE E OUTROS ADEUSES (BEBA TU MESMO O TEU VENENO)

Postado em 11 outubro 2017 às 5:59 0 Comentários

         Estão tentando destruir a família brasileira. O narcotráfico penetra nos lares mais simples, pegando mulheres ingênuas a as enchendo de drogas. Fazem com que se prostituam pelas ruas, com perda da consciência de sua própria personalidade. Essas mulheres são geralmente mulheres simples do povo, povo que Carlos Drummond de Andrade, numa época mais inocente, cantou em A ROSA DO POVO, livro hoje considerado de gosto mediano. Os narcotraficantes não satisfeitos com isso, invadem as…

Continuar

VISÃO DA NOVIDADE LITERÁRIA

Postado em 10 outubro 2017 às 7:21 0 Comentários

         Já não é possível criar uma literatura que seja realmente nova para os brasileiros. Não depois do Concretismo, que teve mais força destrutiva que criativa. O Concretismo é uma literatura para exportação, ou como meu pai dizia, coisa para inglês ver. Por outro lado, os autores de geração mais nova do que a minha, sendo que eu sou de 1954, e portanto posso me considerar muito velho para dar início a uma carreira literária de sucesso,estão preocupados em ganhar os prêmios de valor…

Continuar

A literatura chega a um limite

Postado em 1 outubro 2017 às 7:00 1 Comentar

        A literatura chega a um limite no que tange às publicações através do livro impresso em papel. O livro passou a ser vendido com um sabonete ou uma vassoura. Por maior que seja a novidade que ele contenha, o público está se cansando do que está sendo escrito atualmente. A reprodução através de textos do que autor vê na realidade o leitor vê e sente na própria carne. Por que escrever sobre um pivete, um operário ou um magnata, se eles conhecem melhor do que o autor a sua própria…

Continuar

DESPEDIDA

Postado em 5 julho 2016 às 22:37 2 Comentários

Prezados amigos:

me despeço deste site que tanta alegria me deu, por absoluta falta de tempo de continuar a dele fazer parte.

Sentirei a falta de vocês todos.

ARISTIDES DORNAS JÚNIOR

Caixa de Recados (11 comentários)

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Às 19:36 em 21 junho 2017, Nieves Merino Guerra disse...

Às 23:30 em 9 março 2017, Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ disse...

Em 6:35pm on abril 16, 2017, Lúcia Cláudia Gama Oliveira deu para Roger Dale Wright um presente...
Presente
Em 8:34pm on junho 10, 2016, ROSEMARIE PARRA deu para Aristides Dornas Júnior um presente...
Presente
e muito prazeroso cpmpartilharmos amizade e literatura, bjss
Às 18:44 em 9 junho 2016, Nieves Merino Guerra disse...

Em 4:35pm on junho 05, 2016, María Cristina deu para Aristides Dornas Júnior um presente...
Presente
Gracias por su amistad estimado poeta Aristides.
Às 18:31 em 4 junho 2016, Dione Fonseca de Barros disse...

Bem vindo poeta. Desejo mil alegrias e  amigos. Saudações poeta

Às 16:02 em 2 junho 2016, Maria Iraci Leal disse...

Muito  honrada com a sua amizade, bjs MIL.

Às 13:11 em 2 junho 2016, Maria Iraci Leal disse...

Às 16:40 em 1 junho 2016, Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ disse...

 
 
 

Membros

Poema ao acaso...

Pensamento do dia

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...