Paulo César
  • Masculino
  • Seixal - Setúbal
  • Portugal
Compartilhar no Facebook
Compartilhar

Amigos de Paulo César

  • Luciano Spagnol
  • Críspulo Cortés Cortés
  • Dione Fonseca de Barros
  • Leandro Scheffler
  • Arlete Maria Piedade Louro
  • Carmen Sánchez Cintas SENDA
  • Mauro Martins Santos
  • Francis Perot
  • Eduardo Eugênio Batista
  • Etelvina Gonçalves da Costa
  • Antonio Cabral Filho
  • MARIO ROLANDO VIDES ALVARADO
  • Marcia Cristina B. N. Varricchio
  • Rosalina Gonçalves Ramos Herai
  • Diná Fernandes de Oliveira Souza

Música

Carregando...

RSS

Carregando... Carregando feed

 

PALAVRAS PARIDAS! * "Não tenho ambições nem desejos; Ser poeta não é uma ambição minha... É a minha maneira de estar sozinho." * de Alberto Caeiro/F. Pessoa

Últimas atividades

Janete Francisco Sales Yoshinaga respondeu à discussão MÃE: Orgasmo e seiva primordial! de Paulo César no grupo ❀Vida Cigana❀
"Agradeço a sua brilhante participação, belas linhas, meus parabéns! Beijos"
7 horas atrás
Paulo César respondeu à discussão NOTÍCIA SOBRE A SAÚDE DA NOSSA QUERIDA AMIGA E ADMINISTRADORA MARIA IRACI LEAL de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ no grupo ❀Antologia Imagem e Literatura❀
"MIL, Neste momento junto a minha oração à oração de todos aqueles que te amam e desejam o teu restabelecimento rápido. Acredito que seremos ouvidos e voltaremos a ter-te em breve no nosso…"
ontem
Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ respondeu à discussão PALAVRA = ARMA (Poesia Visual n° 1: Os assassinos da liberdade) de Paulo César no grupo ❀Poesia Visual❀
ontem
Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ respondeu à discussão À QUEIMA ROUPA... (Poesia Visual n° 1: Os assassinos da liberdade) de Paulo César no grupo ❀Poesia Visual❀
ontem
Neuza de Brito Carneiro comentou a postagem no blog Pensar-me é... ser! de Paulo César
"Impressionante jogo de palavras! Parabéns!"
sábado
Neuza de Brito Carneiro curtiu a postagem no blog Pensar-me é... ser! de Paulo César
sábado
Maria-José Chantal F. Dias comentou a postagem no blog Pensar-me é... ser! de Paulo César
sexta-feira
Lúcia Cláudia Gama Oliveira comentou a postagem no blog Pensar-me é... ser! de Paulo César
sexta-feira
Lúcia Cláudia Gama Oliveira curtiu a postagem no blog Pensar-me é... ser! de Paulo César
sexta-feira
Maria-José Chantal F. Dias curtiu a postagem no blog Pensar-me é... ser! de Paulo César
sexta-feira
Marcia Portella comentou a postagem no blog Pensar-me é... ser! de Paulo César
"Falar do poeta é repetir sempre o quanto é gratificante estar em sua letras... Abraço poeta de além-mar"
sexta-feira
Elías Antonio Almada comentou a postagem no blog Pensar-me é... ser! de Paulo César
sexta-feira

Informações do Perfil

1 - Indicar teu nome verdadeiro, por completo, e o nome a ser usado no Portal PEAPAZ.
PAULO CÉSAR.
2 - Local da tua residência: cidade, estado e país. Por motivos de segurança, não indicar endereços completos.
Torre Marinha - Seixal - Portugal
3 - Como chegaste ao Portal PEAPAZ?
Através de visita ocasional na net.
4 - Traça-nos tua trajetória no âmbito das artes/literatura/ciência.
Comecei a escrever poesia por volta dos meus 17/18 anos. Possuo blogue pessoal (www.nochaodagua.blogs.sapo.pt). Publiquei o meu primeiro livro de poesia, intitulado "No Chão d'Água - Poesia líquida...", em Julho/2011.
5 - Concordas que utilizarás o Grupo Sensuais e Eróticos SE publicares imagens de nu explícito?
Sim
6 - Link para site/blog próprio.
Li e compreendi o preceituado.
7 - Insira aqui os links para teus perfis nas Redes Sociais.
http://nochaodagua.blogs.sapo.pt/
https://twitter.com/PC_Poetry
https://www.facebook.com/paulo.cesar.poetry
8 - Publica três poemas ou textos da tua autoria.
NO CHÃO D'ÁGUA

O plano subversivo...
O espanto do tempo inquieto...
O acaso na esquina cortante...
Algures o sonho
Plantado no socalco da espera...
E além, muito além, a estridência
Dum grito.

A seta dispara o medo,
Arranca a sonolência,
Espanta a indiferença
E mata.

Mata como matam
As armas que matam,
Nos campos minados
Da morte que mata,
Sem regra ou lógica.

No chão d'água
Dilui-se a pressa
E congemina-se a certeza
Da travessia.

Avançam os destemidos
Com olhos marejados;
O tempo chegou ao fim,
A viagem vai começar!

Em 19.Maio.2006

PORQUE NÃO A LOUCURA?

Se no teu corpo pressentires silêncio
E na tua alma saudade
Despe-te de preconceitos e ama
As pedras da calçada
Os lírios do campo
E os pingos da chuva…

E se o vento passar por ti envolve-o
Num abraço sem tamanho
Até que sintas que ele se rende
E fica contigo a ensaiar
Um hino de paixão e loucura!

Se fores capaz beija-o!
Se te apetecer adormece no seu colo
E quando o sol despertar espreguiça-te e
Voa…

Que pássaro será capaz de um voo assim?

Em 19.Maio.2009

N A D A

Meu sentimento é de nada!
Nada... e nada acontece.
E o nada, que o tudo traz,
tira-lhe a esperança e a paz
e em desespero fenece
como lamparina sem luz,
que a noite fria reduz
a sombra negra, calada.

Meu sentimento é de nada!
Nada mais, que tudo é nada!

Em 20.Ago.2015

Fotos de Paulo César

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Vídeos de Paulo César

  • Adicionar vídeo
  • Exibir todos

Blog de Paulo César

Pensar-me é... ser!

Postado em 21 março 2017 às 13:00 6 Comentários

Não me penso, como se pensasse alguma coisa concreta,

usando o cérebro e o entendimento.…

Continuar

VOAR AINDA

Postado em 8 fevereiro 2017 às 18:30 2 Comentários

À Maria Iraci Leal, neste tempo difícil de perda.…

Continuar

SEMPRE HOMEM, SEMPRE!

Postado em 26 janeiro 2017 às 7:00 1 Comentar

O PERIGO

Postado em 25 janeiro 2017 às 19:30 2 Comentários

A minha paz, se existe,

anda nas asas do vento,

que tropeça nas colinas e no arvoredo,

que entra sem…

Continuar

Caixa de Recados (143 comentários)

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Às 23:57 em 15 novembro 2016, Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ disse...

Às 22:54 em 15 novembro 2016, Maria-José Chantal F. Dias disse...

Ia alta a madrugada soube de teu Dia de Aniversário.

Poeta de ouro fagueiro e de diamante certeiro

Acerados lampejos, ferozes rompantes renascidos

A eles seguem doces ,suaves, íntimos versos de Amor

E de Amizade segura!

Ah Poeta! Teu trajecto de subtis mudanças feito

Quão subtis!

Enche nossos Olhos Alma e Coração pl’o Verbo perfeito

Achado nas pedras roladas da tua pluma  e tinteiro…

Belo! Sumptuoso! Perfeito…

Em teus poemas,

Deixas-nos sempre com sede de mais …

Presos na sílaba final, acorde troante de Órgão,

A Poesia respira solta nos teus braços…

Feliz Dia  querido Poeta … em cada dia… todos os dias …

Beijos de Poesiaaaa   

Chantal Fournet

Às 22:47 em 15 novembro 2016, Maria-José Chantal F. Dias disse...

Em 8:21pm on novembro 15, 2016, Neusa Marilda Mucci deu para Paulo César um presente...
Presente
Parabéns!!
Às 13:00 em 15 novembro 2016, Maria Iraci Leal disse...

Em 2:35am on novembro 15, 2016, Waulena d'Oliveira Silva deu para Paulo César um presente...
Presente
FELIZ ANIVERSÁRIO, Querido PC //// Muita saúde e poesia. Que o anjos todos tragam as bençãos de Deus neste dia. Bjsss Wau
Em 11:31pm on novembro 14, 2016, Etelvina Gonçalves da Costa deu para Paulo César um presente...
Presente
Um dia de festa e feliz convívio . Um dia especial de paz alegria e muito amor. Parabéns . Um abraço.
Às 13:31 em 14 novembro 2016, Lúcia Cláudia Gama Oliveira disse...

 Felicidade hoeje e sempre!

Vida longa, Paulo Cesar.

Parabéns.

Abraço

Às 1:08 em 13 agosto 2016, Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ disse...

Às 8:28 em 19 março 2016, Nieves Merino Guerra disse...

..

 
 
 

Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Poema ao acaso...

PLATAFORMA LATTES

É possível registrar, para efeitos acadêmicos, os textos publicados no Portal PEAPAZ. Quando se realiza o login na Plataforma Lattes, do lado direito da tela aparece uma janela com a pergunta: "O que você quer registrar?" com a listagem dos tipos de publicações a serem registradas. Entre essas, consta: "Redes Sociais, Websites, Blogs", onde o autor deverá clicar. A partir daí abrirá uma janela, na qual se realizará o registro. É necessário preencher todos os espaços.

Badge

Carregando...
*