Todas as mensagens do blog (31,939)

MOLDURA DE FAMÍLIA

MOLDURA DE FAMÍLIA 

Queremos vendê-la

mas não vale…

Continuar

Adicionado por Nilson da Cunha Gonçalves em 14 dezembro 2017 às 21:04 — Sem comentários

No meu Coração

No meu coração

 

Aonde é que está o erro que eu procuro…

Continuar

Adicionado por Alexandre Montalvan em 14 dezembro 2017 às 17:51 — Sem comentários

Sem historia de amor

----

-

-

-

-…

Continuar

Adicionado por Livita Silva em 14 dezembro 2017 às 14:25 — 3 Comentários

Inerência do Mal

Inerência do Mal 



Certamente igual a um animal acuado

agora a razão vai deixar de existir

na sua essência todo intimo será usado

homem e a fera de novo irão se unir



Trás em seu…
Continuar

Adicionado por Alexandre Montalvan em 14 dezembro 2017 às 7:21 — 3 Comentários

Inocencia atrevida

Inocencia atrevida

 

Un Ángel

se posó en tus ojos

mueve sus ala con delicadeza

y hace danzar

tus cejas y pestañas,

su luz

que enciende tu mirada

le da brillo intenso

como un tierno rayo

deslizando colores de amor,

dibuja

una mueca alegre en tus labios

armonizando tu boca

cuales pinceles y paleta

estampan tu inocencia atrevida.

 

Elìas Almada…

Continuar

Adicionado por Elías Antonio Almada em 13 dezembro 2017 às 15:47 — 2 Comentários

O abraço que ficou para sempre...

 Querida Sílvia Mota,  amigos poetas e escritores:

Minha mãe se foi no dia 25 de novembro deste ano. Esteve hospitalizada, partiu tão serena, e deixou-nos a seus filhos, parentes e…

Continuar

Adicionado por Maria das Graças Araújo Campos em 13 dezembro 2017 às 13:30 — 5 Comentários

És para mim...

És para mim...…

Continuar

Adicionado por Sandra Galante em 13 dezembro 2017 às 12:06 — 2 Comentários

Memórias

Certos sons ou cheiros trazem em si a memória viva do que um dia já se viveu ...

Quando nos chegam imediatamente somos lançados no tempo, viajamos de volta apenas para ter as mesmas sensações de antes.

De que são feitas as memórias ? Qual a sua essência…

Continuar

Adicionado por Waulena d'Oliveira Silva em 12 dezembro 2017 às 21:52 — 6 Comentários

Reflejos

Reflejos

 

Refleja la luna

en la noche del mar

el blanco de la paz

sobre olas negras de tormenta,

cual tu alma

en horas calmas

resalta en la oscuridad

abundante de tristeza,

son tus esbozos de princesa

aires juveniles de doncella

que en el arte de la pintura

resaltan acariciando el alma.

 

Elías Almada

 

 

 

 

 …

Continuar

Adicionado por Elías Antonio Almada em 12 dezembro 2017 às 15:00 — 7 Comentários

busca

Barco louco,
por que me buscas,
me trazes
tua ferrugem,
talvez ouro
outrora?
Agora apenas um
rasto de águas,
das viagens
de que fugiste,
para te vires acoitar
nestas margens doces
de um sonho
tão esquecido,
tão suavemente
obliterado.

Adicionado por Jaime A. em 12 dezembro 2017 às 4:14 — 2 Comentários

TENDRES SOUVENIRS

TENDRES SOUVENIRS...
Doux souvenirs, doux moments à jamais gravés. 
Tendres regrets, moments perdus ou…
Continuar

Adicionado por Maria-José Chantal F. Dias em 12 dezembro 2017 às 0:04 — 3 Comentários

TEU OLHAR

Traz teu olhar

Névoas,

Nebelinas…

Continuar

Adicionado por Maria-José Chantal F. Dias em 11 dezembro 2017 às 23:58 — 6 Comentários

Com o passar do tempo

-

.-

-

-…

Continuar

Adicionado por Livita Silva em 11 dezembro 2017 às 21:39 — 4 Comentários

A farsa do moço e do judeu

Introdução

Conta-se a história de um moço, que é contratado por um judeu, chegado recentemente ao burgo, para servir de emissário da sua banca de prestamista.…

Continuar

Adicionado por Etelvina Gonçalves da Costa em 11 dezembro 2017 às 15:30 — 3 Comentários

Farsa /dialogo entre servo e amo Estilo Gil Vicente

A farsa apresentada conta um episódio da vida de um marinheiro das naus da índia, que desabafa a seu amo a sua paixão não correspondida pela mulher que o enlouquece de desejo e raiva…

Continuar

Adicionado por Etelvina Gonçalves da Costa em 11 dezembro 2017 às 15:00 — 5 Comentários

A Louca

A Louca

Na palavra nua a não se perder…

Continuar

Adicionado por Alexandre Montalvan em 11 dezembro 2017 às 9:19 — Sem comentários

NATAL

Natal é felicidade.

Luminescência e amor

Entre mil…

Continuar

Adicionado por LUIZ GONZAGA BEZERRA em 11 dezembro 2017 às 8:31 — Sem comentários

Não me abandones

-

.

-

-…

Continuar

Adicionado por Livita Silva em 11 dezembro 2017 às 1:35 — 3 Comentários

Não digas nada

-

-

-

-

-…

Continuar

Adicionado por Livita Silva em 11 dezembro 2017 às 1:30 — 3 Comentários

Farsa de lamentos de amor Ao jeito de Gil Vicente

Farsa de lamentos de amor…

Continuar

Adicionado por Etelvina Gonçalves da Costa em 10 dezembro 2017 às 21:30 — Sem comentários

Arquivos mensais

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

1999

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...