janeiro 2012 Posts no Blog (427)

ESTÁ_DÓ M_ÓRBITO DO JARDIM ,SEM FL_ORES

Nosso mundo gira

Nosso universo gera

Nossa mãe fez do sonho

Nossa vivência de buscas

Pois superar una mãe

É quase impossível

Nessa mãe existiu

O verdadeiro amor,

Mais na sociedade

Apenas muralhas

Essa muralhas

São fortalezas

Do egoísmo

Em negação

Da propriedade

Da alma livre

Mães doloridas

Sofrem caladas

Na culpa…

Continuar

Adicionado por CLAUDINHA POETA LONDRINA BRASIL em 31 janeiro 2012 às 23:58 — Sem comentários

A Poesia





É transformada em folhas…

Continuar

Adicionado por Vera Regina Cazaubon em 31 janeiro 2012 às 22:30 — 2 Comentários

Alfabeto





Na metade do tempo, aqui estou ajustando

Grafias desenhadas chamadas de alfabeto…

Continuar

Adicionado por Vera Regina Cazaubon em 31 janeiro 2012 às 22:00 — 4 Comentários

Espera_Marcia Portella

 

À meia-luz entre as frestas da cortina

contemplo o agito das pessoas

e dos michês no inicio da noite.

Vejo você chegando…

Continuar

Adicionado por Marcia Portella em 31 janeiro 2012 às 21:30 — 14 Comentários

UM VOO PARA A ETERNIDADE

Rogério

 

MOR

 

Partiu o grande poeta

Um grande mediador.

Sempre era a sua meta

Como o maior tradutor.…

Continuar

Adicionado por Mário Osny Rosa em 31 janeiro 2012 às 20:11 — Sem comentários

GARÇA

Bem que eu queria ser tal qual a garça

Plainando sobre…

Continuar

Adicionado por Edir Pina de Barros em 31 janeiro 2012 às 16:53 — Sem comentários

FLAGELO DE UM AMOR INCONDICIONAL!

Choram os versos dela

Em rimas,…

Continuar

Adicionado por Mônica do S Nunes Pamplona em 31 janeiro 2012 às 16:44 — 6 Comentários

DUETO DE AMOR-- --EDGARDO PALACIOS

ME GUSTA TU AMOR



flores, besos nubes

mar estrellas....Noches



Ramillete de violetas

besos multicolores

y tus brazos en mi talle..



Asì te sueño, asì me llega tu carta

la recibo…

Continuar

Adicionado por edgardo palacios em 31 janeiro 2012 às 14:00 — Sem comentários

EXISTE LUZES PARA NOS DAR RAZÕES PARA SER_MOS POETAS SONHADORES NO PLA_NETA TER-RA ???

ONDE HÁ FLOR AFLORA LUZ ,

 

GRATIDÃO PELA FLOR DA AMIZADE ,

QUE SEJA SE_MENTE DE AMOR E PAZ

 

PELA CONSTRUÇÃO DO BELO OLHAR

HUMANO EM SUSTENTABILIDADE

DA VIDA NO PLA_NETA TERRA,

 

POR MEIO DO RAIO DO SOL

POR MEIO DA LUMINOSIDADE DA LUA

ASSIM SEJA NOSSO SÉCULO XXI

VER-DADE ,SEM POSSE

DA MAGNANIMA FORÇA DA CICLICIDADE

DA VIDA PELA VIDA EM VIDA :)))))

AS  FL__ORES…

Continuar

Adicionado por CLAUDINHA POETA LONDRINA BRASIL em 31 janeiro 2012 às 13:00 — 4 Comentários

IMORTAL É TODA ALMA QUE DEIXA O CORAÇÃO EM NOSSA ALMA, EM NOSSO CORAÇÃO SAUDADES :))))

A LUZ FICA

E A SAUDADE

É VIVIFICADA

PELA POÉTICA

DO AMOR :)))))))))

INCONDICIONAL

DA EXPRESSÃO

AMOR  E-TERNO ...

SAUDADE :))

NO…

Continuar

Adicionado por CLAUDINHA POETA LONDRINA BRASIL em 31 janeiro 2012 às 12:56 — 1 Comentário

É NECESSÁRIO APREENDERMOS TODA COMPREENSÃO DA VERDADE NUM SORRISO :))))))

QUANTAS HIPOCRICIAS

SÃO ESTUDADAS

 

QUANTAS IRONIAS

SÃO ELENCADAS

 

QUANTAS INQUIETUDES

SÃO VIVENCIADAS

 

PELA BUSCA DA LUZ

LUZ QUE NOS TRAGA

 

POSSIBILIDADE DE SER ???

 

SORRISO DA PAZ…

Continuar

Adicionado por CLAUDINHA POETA LONDRINA BRASIL em 31 janeiro 2012 às 12:00 — 1 Comentário

A INSPIRAÇÃO DO POETA

A INSPIRAÇÃO DO POETA

Marcial Salaverry

O poeta agradece a inspiração,

que nasce em sua emoção,

vem do fundo da alma,

como algo que as dores acalma...

O poeta sai de seu penar,

quando começa a poetar...

Com a inspiração chegando,

vai se emocionando,

e num repente, está poetando,

e com sua inspiração se deslumbrando...

Será a inspiração uma graça divina?

Poetando, jamais estará perdido,

pois fala de um amor sentido,

ou de algo já…

Continuar

Adicionado por Marcial Salaverry em 31 janeiro 2012 às 9:48 — Sem comentários

VULNERABILIDADE SOCIAL, AIDS E POLÍTICAS PÚBLICAS (Saúde Indígena)

Acabei de publicar o meu Relatório de Pós-doutorado pela USP, aprovado em 2002, pelo Clube dos Autores, para facilitar o acesso aos interessados. Veja o link

http://www.clubedeautores.com.br/book/122446--VULNERABILIDADE_SOCIAL__AIDS_E_POLITICAS_PUBLICAS…

Continuar

Adicionado por Edir Pina de Barros em 31 janeiro 2012 às 9:00 — 1 Comentário

O POETA DA PAZ

 
 
 
O Poeta da Paz…
Continuar

Adicionado por Jorge Luiz Franco Linhaça em 31 janeiro 2012 às 5:30 — 12 Comentários

NOITE!

 

                                                                    Imagem Google

 

Sempre nos chega, à oposição ao dia.

Vestida a rigor com seu véu negro cintilante

Traz a constância dos murmúrios, das caricias,

E a inexatidão dos sonhos e das…

Continuar

Adicionado por LUCIA GUEDES (Lufague) em 30 janeiro 2012 às 23:00 — 3 Comentários

"NENHUM HOMEM É UMA ILHA", OU É???

John Donne, poeta jacobino inglês, considerado poeta metafísico, contemporâneo de Shakespeare, escreveu os seguintes versos:

No man is an island, entire of itself;…

Continuar

Adicionado por Nilson da Cunha Gonçalves em 30 janeiro 2012 às 22:00 — 9 Comentários

POETAS NÃO MORREM - Homenagem póstuma a Rogerio Miranda, o "Poeta da Paz".

POETAS NÃO MORREM

Marcial Salaverry…

Continuar

Adicionado por Marcial Salaverry em 30 janeiro 2012 às 22:00 — 11 Comentários

NADA ACONTECE POR ACASO

Adicionado por João Ademar Ramires em 30 janeiro 2012 às 21:34 — 1 Comentário

MAGRINHAS OU GORDINHAS?

Louco estereótipo da mulher bonita

Diagnosticam, as magras como escolhidas…

Continuar

Adicionado por Mônica do S Nunes Pamplona em 30 janeiro 2012 às 20:00 — 6 Comentários

Artefato





Como negar a tessitura do meu discurso,

da voz e do olhar que florescem ideias,

dissimulam desejos e aumentam meus apelos?



A arte dos meus insólitos rascunhos,

de fato, sussurra cores, fontes, essência,

na busca do artefato sincrético,

sincronizado com o sibilo da sinuosa…

Continuar

Adicionado por Sueli Fajardo em 30 janeiro 2012 às 18:08 — 1 Comentário

Arquivos mensais

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

1999

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...