novembro 2013 Posts no Blog (421)

Na idade da loba

Ela já é madura e conhece muito dos velhos segredos da vida

Seu instinto muitas vezes fala mais alto que sua sensatez…

Continuar

Adicionado por Mariangela Nunes Pamplona em 30 novembro 2013 às 23:30 — 7 Comentários

MEU JEITO DE AMAR





Hoje já não tenho medo de ser feliz

A minha felicidade faz parte de ti… 

Só tu sabes como eu devo mover-me nela 

Estas palavras que procuro aplicar…!

São puras verdadeiras porque só a ti eu quero…

Continuar

Adicionado por Joaquim Custodio dos Santos More em 30 novembro 2013 às 21:07 — 3 Comentários

VERSOS de cheiro e cor...





versos de cheiro e cor

despencando 

das …

Continuar

Adicionado por Maria das Graças Araújo Campos em 30 novembro 2013 às 21:04 — 9 Comentários

POETANDO

POETANDO…

Continuar

Adicionado por Gustavo Antonio Drummond em 30 novembro 2013 às 20:42 — 6 Comentários

SAMBA ENREDO

Este samba, composto para o enredo ZEUS, do Bloco do meu bairro,  eu apresento e ofereço em homenagem aos meus amigos do PEAPAZ!…

Continuar

Adicionado por Paolo Lim em 30 novembro 2013 às 20:20 — 10 Comentários

No espelho

 …

Continuar

Adicionado por Marcia Portella em 30 novembro 2013 às 16:00 — 9 Comentários

Amor bandido

Amor bandido

Abraçar o fogo que me queima

Lançar-me nas chamas deste inferno

Morrer pela dor que a mim teima

Amar e sofrer este amor eterno

 …

Continuar

Adicionado por Alexandre Montalvan em 30 novembro 2013 às 13:45 — 1 Comentário

HOMENAGEM À MINHA MÃE.

Seria o aniversário em vida de minha mãe

no último dia 29.

"Estrela guia" foi a melhor definição que já 

me disseram para o ser materno.

Dito num comentário em uma de minhas

postagens por nossa querida Sílvia Mota.…

Continuar

Adicionado por Mônica do S Nunes Pamplona em 30 novembro 2013 às 13:30 — 6 Comentários

AMORES SÃO COMO BARCOS

Continuar

Adicionado por Marcial Salaverry em 30 novembro 2013 às 8:30 — 9 Comentários

Faz-se urgente o amor

Adicionado por Paulo César em 30 novembro 2013 às 5:24 — 4 Comentários

MUITO ESTRANHA

Amor ensina-me amar

Acho que eu esqueci

Ensina-me apenas amar

Nada mais quero de ti

 

Já não há luz para meus olhos

Há cores que não mais vi

O breu embaça meus olhos

Não posso chegar a ti

 

Calaram-se os meus versos

Rimas de amor desaprendi

Não surgem outros versos

Que me venham falar de ti

 

Amor diga-me o nome

Acho que eu esqueci

Diga-me apenas o nome

Daquela que…

Continuar

Adicionado por ANTONIO SERGIO NÉSPOLI em 30 novembro 2013 às 4:58 — 3 Comentários

Ele me ama

Adicionado por Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 30 novembro 2013 às 2:00 — 12 Comentários

COXAS NEGRAS

A mulher negra e bela se senta à minha frente,

Cruza ante meus olhos as roliças negras pernas,

Negras como os rios que cantam mansamente

Nas noites sem lua e sem estrelas.

A mulher bonita cruza as negras coxas,

Negras como as onças negras e noturnas

Que caçam pelas selvas do país.

Negras como as cobiçadas cavidades

Do seu desejado corpo negro.

Negras como os belos olhos negros

Impregnados de viveza e de malícia.

Negras como estes meus…

Continuar

Adicionado por Barão da Mata em 29 novembro 2013 às 23:54 — 5 Comentários

Je t'aime

Semeio estrelas na noite escura

Busco nelas teu…

Continuar

Adicionado por Waulena d'Oliveira Silva em 29 novembro 2013 às 23:48 — 5 Comentários

MAIS TROVAS (MÔNICA PAMPLONA)

Adicionado por Mônica do S Nunes Pamplona em 29 novembro 2013 às 22:24 — 5 Comentários

Meu Grito

Meu Grito

Porque tamanha cobrança

A m'alma ainda que criança

Vislumbra mundo diferente

Aquele que não se vê se sente

 

Sou um ser faminto de…

Continuar

Adicionado por Alexandre Montalvan em 29 novembro 2013 às 21:30 — 3 Comentários

COMO É DIFÍCIL ENFRENTAR NATAL E FESTAS DE FIM DE ANO!!!

sem/título

óleo s/tela

Lilianreinhardt

Como é difícil enfrentar Natal e as festas de fim de Ano! Fico a imaginar alguém do espaço contemplando o planeta Terra. Não é Azul, é vermelho pelo derramamento de sangue da escura…

Continuar

Adicionado por Lilian Reinhardt em 29 novembro 2013 às 20:00 — 5 Comentários

AMAR SEM ESPERAR





Não se vive sem amor…! 

Precisamos de uma paixão desmedida

Queremos beijos na boca, queremos no corpo 

Temos a necessidade de maciez na cama…!



Tem horas que quero a minha mão no teu ombro 

Dar-te um abraço apertado é…

Continuar

Adicionado por Joaquim Custodio dos Santos More em 29 novembro 2013 às 18:50 — 5 Comentários

Inversão

 

 

 

Inversão

 …

Continuar

Adicionado por Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 29 novembro 2013 às 16:30 — 7 Comentários

Arquivos mensais

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

1999

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...