Preciso olhar o céu e lhe encontrar,

Caminhar pelas estrelas e lhe amar,

Preciso tanto do seu carinho!

Para que me ame de mansinho...

 

Meu corpo pede o seu corpo,

Minha pele quer seu calor,

Sem você sou uma boneca de trapo,

Só tenho vida com seu amor...

 

Ao seu lado sou um mar de desejos,

Faço coisas que só eu sei fazer,

Minha boca está sedenta por seus beijos,

Vem, preciso tanto do seu prazer!

Sandra Galante.

 

Exibições: 31

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Sandra Galante em 13 novembro 2017 às 22:34

Pois é Dely! rsrsrs Beijos pro cê! Obrigada!

Comentário de Dely Thadeu Damaceno em 13 novembro 2017 às 21:39

A confissão de um amor que está longe,fica claro  nas palavras de saudades e ânsia por reencontrar.BElas e inspiradas palavras Sandra!

Parabéns outra Vez!!

Comentário de Sandra Galante em 13 novembro 2017 às 16:44

Comentário de Elías Antonio Almada em 13 novembro 2017 às 13:15

Comentário de MARGARIDA MARIA MADRUGA em 13 novembro 2017 às 13:13

Bonito poema romântico. Parabéns Sandra.

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...