Fonte cristalina da minha majestade

De Té

Minha saudade é vida e salta de meus olhos para os teus.

Escondida? Não meu amor ! Só se for por tua afeição

 Por isso me reservo, para que no brilhar dos olhos meus

seja por olhar os céus , só ele vê o que sente meu coração

Minha saudade é maior que o mar, quem me perscruta diz

apenas ser admiração,mais que isso tão mais é minha adoração

Olhar-te , ouvir-te é a minha fortuna ,o voo gigante prediz,

que ultrapassa o delicado sonhar que vive nesta ilusão.

Minha ternura, é a flor mais linda do paraíso das minhas divagações

É a minha luz, que ilumina as emoções de um eterno sonhador

É o brilho do brilhante, que uso no meu dedo promessa de amor

A este ideal, ao qual sou fiel, canto-o na poesia que te e´dedicada

Onde exalto ,todo o meu sentimento, a mais ninguém é devotada

Meu enlevo, . minha água da fonte cristalina da minha majestade.

De Té Etelvina da Costa

 

Exibições: 27

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Membros

Aniversários

Poema ao acaso...

Pensamento do dia

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...