Guerreira em verdade
Fases da lua sem idade
Fonte de inspiração...
Como flexada no coração

Fluxo dos elementos...
Sussuros dos moinhos
Qual franjas nos caminhos

Oráculo no casulo
A espera do voo surdo...
Agora se fez fragilidade!

No sustento da divina honra
Viver em liberdade
Sem medo da maldade...

Ah, tudo em mutação!
E chega à estação...!

Pare! Ouça os cavalos...
Estão vindo e são alados

E na magia das três Marias
Qual corpo, alma e espírito
Seja assim, o agora que admiro...

Deusa... Seja à criatura!
O sal da terra no germinar
Sem metal que possa rasgar
A dignidade do ser crescente
Em sua arte de acreditar...

Cláudia Gama - PEAPAZ
Fotos: google imagens

21/ 04 / 2016

 

Exibições: 255

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 20 janeiro 2017 às 2:45

  Mônica,

  Muito, muito obrigada!

  Meu carinho.

  Bjsssss

  

Comentário de Mônica do S Nunes Pamplona em 20 janeiro 2017 às 2:30

A dignidade do ser crescente
Em sua arte de acreditar...

Uma Criatura e tanto...!

Digna de ser poetizada.

Mais um lindo trabalho poético, minha querida.

Muitos, muitos aplausos.

Bjsss.

 

Comentário de Críspulo Cortés Cortés em 14 maio 2016 às 6:39

Comentário de Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 22 abril 2016 às 15:20

Deuses da poesia... muito obrigada!

Luísa, Laís, Fernando e Paolo:

Comentário de Paolo Lim em 22 abril 2016 às 13:31

Livre imaginação, precisa técnica, bole o coração; Exemplo de poesia eclética. Bravooooo!  

Comentário de Fernando José Corte Real Azevedo em 22 abril 2016 às 6:14

Criatura

Que aos deuses elevas o pensamento

Que no chão sagrado deixas a candura

E se me agitas a alma neste momento

Foi por lá te reencontrar ó doce criatura.

Parabéns Cláudia lindo texto. 

Saudações Poéticas

Comentário de Lais Maria Muller Moreira em 22 abril 2016 às 1:37

Num desenvolvimento que se solta....

feito pó que se desprende no ar...

Encantada!

beijos

Comentário de Luísa Maria Valente C. Zacarias em 22 abril 2016 às 0:15

Lindo...Lindo...Lindo...

Encantada ficando com a preciosidade 

de seus Versos  poetisa Lúcia!

beijos iluminados

de:sempreLuZ.

PAZ e LUZ

Comentário de Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 21 abril 2016 às 22:38

Querida Iraci, obrigada pelo encanto do seu comentário.

 Abraço-te.

Comentário de Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 21 abril 2016 às 22:35

 Janete querida, teu carinho me faz bem!

 Obrigada.

Membros

Poema ao acaso...

Pensamento do dia

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...