Viajou no tempo e chegou sem alarde

Com a paleta pincelou em suspiros

Tons de  amarelo, laranja  e vermelho

Onde as folhas  que despem os galhos

Realçam na grama tons de ferrugem

Esvoaçantes com o sopro da brisa

Formam um tapete multicolorido

Escrevem mensagens de sabedoria

Que o desapego é o alicerce seguro

Para a metamorfose do renascer

Adentre ao portal dos sonhos

Dance com a sinfonia do vento

Pincele emoções e sentimentos

Para esperar o próximo segundo

Que sinaliza o inesperado futuro.

Exibições: 5

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Membros

Aniversários

Aniversários de Hoje

Poema ao acaso...

Pensamento do dia

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...