E Escritor sempre sonha acordado
S Sente a mágoa do injustiçado
C Chora pelo que nunca viveu
R Renasce quando a vida morreu
E Escreve a essência num papel
V Vê estrelas em qualquer céu
E E explora o amor de todo ser
R Realça as letras e faz acontecer

A Adora o mundo da poesia

V Vê a lua durante o dia
I   Imortaliza um romance
D Dentro do livro está o lance
A  Apresenta esboços da dor

N Noutro instante é o amor
U Um mar de vários sentimentos
M Mil risos e lamentos

P Perambula colhendo emoção
A Apresenta ode para canção
P Pensador, eternamente!
E Escritor! Vive expondo a mente...
L Liberdade que reflete o que sente

 
Janete Sales Dany
Poema@protegido por lei
T5693682
São Paulo - Brasil
 

Licença Creative Commons
O trabalho Escrever a vida num papel de Janete Sales Dany está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Intern....

Exibições: 197

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Janete Francisco Sales Yoshinaga em 15 agosto 2016 às 8:49

Bom dia querida amiga Sílvia Mota!

Obrigada pela linda presença e destaque

Belíssimo trabalho e valoroso estímulo.

Uma honra estar entre os ilustres poetas

Uma semana de muita paz

Beijos no coração

Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 9 agosto 2016 às 9:18

Comentário de Janete Francisco Sales Yoshinaga em 31 julho 2016 às 0:56

Boa noite querido amigo Francisco Martins

Obrigado pela amizade e  presença a iluminar a minha noite

Fico feliz que gostou

Uma noite de paz

Beijos

Comentário de Francisco Martins Silva em 30 julho 2016 às 17:10

Belas e verdadeiras palavras. Parabéns pela obra.

Comentário de Janete Francisco Sales Yoshinaga em 26 julho 2016 às 21:46

Boa noite querida amigas Luísa Valente, Vera Regina e Rosalina Herai.

Obrigada pelas palavras generosas e valoroso estímulo.

Fico muito feliz que apreciaram as minhas linhas singelas.

Um abraço caloroso a todas, desejo uma noite repleta de paz

Beijos no coração

Comentário de Luísa Maria Valente C. Zacarias em 26 julho 2016 às 14:42
Fantástico!
Palavras que saí em cantando da alma para o papel ilustrando esta tela que ao abrir me deixam a sonhar!!!
Fantástico 3x Fantástico!

Tudo aqui está uma verdadeira obra de ARTE! Parabéns!
Gosto muito da sua escrita.

beijinhos
Comentário de Vera Regina Cazaubon em 25 julho 2016 às 14:49

Sim querida, um poetar sensível e verdadeiro. Tudo que o escritor grafa fica para as próximas gerações, Parabéns, beijokas

Comentário de Rosalina Gonçalves Ramos Herai em 19 julho 2016 às 15:09

... E por estas razões é imortal, jamais morrerá, ficarão suas palavras no ar em ondas. 

Adoro o que escreve, sublime. Parabéns!

Comentário de Janete Francisco Sales Yoshinaga em 17 julho 2016 às 22:00

Boa noite querida amiga Dione!

Obrigada pela linda presença

Fico muito feliz que gostou

Uma noite de paz

Beijos no coração

Comentário de Dione Fonseca de Barros em 17 julho 2016 às 18:28

Lindo querida Janete

Bjus

Membros

Aniversários

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...