Imagem: Capturada no Google imagem com efeito do editor online.

Espelho

 


Preenche o vazio do amar...

Na terra e no mar,
Ritmo coração e pulmão sem descompensar.
Fruto da natureza,
Único a penetrar com esperteza.

 

Espelho do mundo,

Limpo, imundo,

Farol na obscuridade...

Sustento em realidade!

 

Reflexo sem luz?

Mentol que carrega cruz!



Repasse tudo,
Desse espelho quebradiço e sujo...
Como vórtice verdejante
No princípio da vontade!



Seja superação...
Aceitação,
Germinação,
Explosão em botão
Cria erguida da escuridão!

Silhueta ao vento

Sempre no movimento
De idade em idade...

Como onda cuspindo dignidade.

 



 

 

 

Cláudia Gama - PEAPAZ

23/06/2014

 

Exibições: 37

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 26 junho 2017 às 16:10

 Agradecida poeta e escritor, José Santiago.

 Abraço.

Comentário de José Santiago em 24 junho 2017 às 16:31
 Hermoso compartir Lúcia Cláudia Gama Oliveira
...Un abrazo entre alas

Membros

Poema ao acaso...

Pensamento do dia

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...