FERA MULHER

Dentro de um casulo
ela se recolher perdida
Quer escondida deixar rolar
a lagrima que teima escorrer
Não quer que sintam pena
nem mesmo que a mão lhe estendam
por piedade se recolhe na mesmice do dia a dia
ora mulher ora fera,
Sem orquestas tocando
sem ver a flor desabrochar
fera mulher numa metamorfose sem lucidez,
Fera e mulher se confundem se fundem em uma só
em luta constante uma se sobrepondo a outra
Neste casulo procura a serenidade da mulher
querendo a fera dominar
qual das duas irá surgir?
A fera ou a mulher?

Fatima Fofinha

Exibições: 256

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Sílvia Mota em 14 agosto 2012 às 19:28

Releio...

Comentário de Sílvia Mota em 24 maio 2012 às 0:37

Fera ou mulher... ambas fêmeas. Parabéns! Beijossssssssssss

Comentário de Mônica do S Nunes Pamplona em 11 abril 2012 às 19:57

Um desabrochar em teus versos bastante feminino.

Adoravel leitura.

Bjsss

Membros

Designers PEAPAZ

*Sílvia Mota*

*Margarida*

*Nara Pamplona

*Livita*

*Imelda*

*Toninho*

Poema ao acaso...

Visitantes

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço