HOMENAGEM Á CRIADORA DE UM DOS MAIORES ÍCONES URBANOS: O ORELHÃO

CURIOSIDADE E HOMENAGEM 

                                       

 Chu Ming Silveira *1941 + 1997 - São Paulo

HOMENAGEM À CRIADORA DO ÍCONE BRASILEIRO: ORELHÃO

                                                                                            

                                                                                       Quanto nos facilitou a vida este aparelho popular,

numa época (antes é pós governo Collor) 

que nós os mesmos abastados tínhamos

que entrar em um fila de espera e pagar por

uma linha de telefone fixo por até 3 anos

Serviu sobretudo os moradores das periferias

de mas violência e necessidades.

Os Google Doodles homenageiam datas importantes em diversas áreas e em vários países do mundo alterando o design do famoso logotipo da empresa e inserindo nele elementos que lembram a ocasião festejada. O Doodle de hoje no Brasil comemora o que seria o 76º aniversário da inventora dos icônicos orelhões, que viraram referência nas paisagens urbanas do Brasil.

Chu Ming Silveira nasceu em Xangai em 1941 e chegou ao Brasil com sua família antes de completar 10 anos de idade. Formou-se em arquitetura na Universidade Mackenzie em 1964 e, dois anos depois, passou a trabalhar na Companhia Telefônica Brasileira desenvolvendo projetos de arquitetura.

Chu Ming cria seu design no logotipo da Google

Design icônico

Sua invenção fez parte do cotidiano brasileiro por décadas e vai sempre ser lembrado como um ícone do final do século XX

Seu grande desafio veio em 1971, quando teve a missão de desenvolver um protetor para os telefones públicos que melhorasse a acústica em torno do aparelho e, por consequência, aumentasse a qualidade das ligações feitas em locais de grande movimentação e barulho nas cidades. O protetor também deveria ser de fácil produção, barato e bonito.

Segundo Chu Ming, a inspiração veio dos ovos, que, segundo a arquiteta, era capaz de fornecer a acústica desejada e seu formato natural é agradável aos olhos. A ideia foi um sucesso e os telefones públicos passaram a adotar a proteção para, além de tudo já citado, também proteger os usuários do Sol forte e da chuva.

Design original do orelhão criado por Chu Ming Silveira.

Chu Ming faleceu em 1997 com apenas 56 anos  de idade - de causas não reveladas - há quase 20 anos, mas sua invenção fez parte do cotidiano brasileiro por décadas e vai sempre ser lembrado como um ícone do final do século XX.

O design de Chu Ming também extrapolou as fronteiras do país e pode ser achado em telefones públicos da Colômbia, Peru, Moçambique, Angola e da terra natal de sua inventora: a China. Hoje em dia, com o advento dos aparelhos celulares, o número de orelhões caiu bastante, mas ainda existem cerca de 52 mil em todo o território nacional, salvando aqueles que acabam ficando sem bateria no smartphone e precisam se comunicar com alguém de alguma forma.

 

Exibições: 9

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Marcia Portella em 5 abril 2017 às 17:12

Mauro,não sabia que tinha sido uma inventora.

Pena que com o uso do celular, estejam retirando esse aparelho das ruas que por sinal já usei muito.

Aqui em Goiânia raramente encontramos algum.

Abraço

Comentário de Mauro Martins Santos em 4 abril 2017 às 18:06

COMPLEMENTO

OBS: (...) alterando o design (do famoso logotipo) da marca: onde está falho na segunda linha do texto.

Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Poema ao acaso...

PLATAFORMA LATTES

É possível registrar, para efeitos acadêmicos, os textos publicados no Portal PEAPAZ. Quando se realiza o login na Plataforma Lattes, do lado direito da tela aparece uma janela com a pergunta: "O que você quer registrar?" com a listagem dos tipos de publicações a serem registradas. Entre essas, consta: "Redes Sociais, Websites, Blogs", onde o autor deverá clicar. A partir daí abrirá uma janela, na qual se realizará o registro. É necessário preencher todos os espaços.

Badge

Carregando...
*