Não era um sonho

Eu
mergulho doce neste infinito
se sonho fosse
eu até entenderia
mas era dia e tão bonito que
até o sol me
sorria.

E as flores com rosto de gente
dizia alguém 
mas ninguém sabe quem
e
todas brincavam contentes com seus aromas do campo
que as flores tem.

Em um colorido relvado macio
pulavam as dracenas
na agua da beira de um rio.

Cantavam
as ninfas pequenas
oréades formosas com nomes de rosas
milhares 
cantando apenas para encantar
e as
montanhas dançavam
com suas barrigas enormes a balançar.

E assim é o dia
lindo como só poderia ser se um sonho
eu sonhar,
porem eu suponho,
que eu apenas sonho...

em
fantasiar.

SorrisodeRosas

Exibições: 18

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Membros

Designers PEAPAZ

*Sílvia Mota*

*Margarida*

*Nara Pamplona

*Livita*

*Imelda*

*Toninho*

Poema ao acaso...

Visitantes

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço