Amigos Poetas e Escritores do Amor e da Paz,

Desejo-vos um Natal muito Feliz e um 2018 cheio de sorrisos ...

Abraço-vos

Natal


a lareira no seu crepitar
cadinho incandescente de afectos
o abraço do voltar
sorrisos rasgados
a samarra que se despe
companheira das noites frias
poiso do sapatinho
de olhos pendurados
com tanto jeitinho e esperança
pulos de criança


a mesa grande
comprida
prenhe de odores e sabores
enfeitada de azevinho
onde não falta o bacalhau
as filhoses rabanadas
e um bom vinho


as conversas que se cruzam
animadas de calor
os jogos que se jogam
dos confeites sob o Pai Natal
transformado em guarda-chuva
do rapa tira ou põe
à sueca bisca burro
a alegria e a fúria
da pequenada e adultos
no ganhar e perder


a meia-noite é
já não soa
apanham-se os olhos do sapatinho
abrem-se as prendas
à pressa e sem jeitinho
elas são poucas
noutros lares serão nenhumas
o repasto nenhum será
a família não se reunirá
só a tristeza se senta à mesa grande
comprida
muitas as lágrimas do não ter que dar
nem comer nem amar


será Natal?

in "Cintilações", Ana T. Freitas

 

Exibições: 11

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Ana Maria Teixeira Freitas em 20 dezembro 2017 às 17:04

Sou muito grata pelos vossos comentários :-)

Comentário de Elías Antonio Almada em 20 dezembro 2017 às 15:14

Comentário de MARGARIDA MARIA MADRUGA em 20 dezembro 2017 às 14:27

Será Natal para muitos?

Será Natal para você? Para mim?

Mauro M. Santos

Graça Campos

Carlos Saraiva

José Santiago

Lilian Reinhardt Art

De Luna Freire

Visitantes

Liv Traffic Stats

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço