Notívaga feridaNoturna caçadora - em plenilúnio intenso,

cavalgo na quimera, a crina é o pensamento.

Telúrica visão de punho em arco tenso,

transpasso em flecha a dor que aninha o sofrimento.

Noturna caçadora - ardor de fogo imenso,

sou peito entrecortado, um beijo sem talento.

A lama da tristeza afoga sem consenso

e gera descuidada um riso virulento.

Sou pélago profundo e a maldição que empluma,

o lábio sem perfume e a cor do rosto esfume -

vivência pastoril, sem paz ou flor nenhuma.

Saudade é farpa atroz e avanço em pranto e bruma,

ao louco som da morte em seu cruel queixume –

sou trôpego final da fé que não se apruma!

Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz

Rio de Janeiro, 10 de agosto de 2016 – 7h21

Yanni. Spirit of nature

Exibições: 144

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 16 agosto 2016 às 17:14
Comentário de Helder Gonçalves em 15 agosto 2016 às 6:53

Querida poetisa - A tua grã-eloquencia permite-te bordar, em branco pano de linho, poemas com eruditas e rebuscadas palavras de grande e puro lirismo. Na tua pena perspassa a tinta no que há de melhor na língua de Camões. Ler-te é para mim um grande prazer -  Faço-o com religiosa  devoção.Bjos

 

Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 12 agosto 2016 às 23:20
Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 12 agosto 2016 às 23:20
Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 12 agosto 2016 às 23:19
Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 12 agosto 2016 às 23:18

Estimada María Cristina

Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 12 agosto 2016 às 23:17

Estimado Paolo Lim

Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 12 agosto 2016 às 23:17
Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 12 agosto 2016 às 23:16

Estimada Loubah Sofia

Comentário de Vera Regina Cazaubon em 11 agosto 2016 às 13:53

Parabéns minha querida amiga, mais uma vez encanto-me com tua inspiração poética. Nem sempre é possível escrever sobre alegrias, principalmente quando a saudade faz companhia. Aplausos com carinho, beijokas

Membros

Poema ao acaso...

Pensamento do dia

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...