O trouxa da bola

Estariam  os  nossos  craques de araque chutando essa bola de rugby, foi isso que eu vi.

Somente por esmola não se esmorece ao ver a nossa seleção sair de chapéu  na mão,

Empate grosseiro; a culpa é do juiz, do goleiro ou do zagueiro? Logo no  primeiro

jogo extrapola as batidas do meu encanecido coração, Fico desenxabido

meu irmão querido, Porém, lembrando do  passado me vejo de  juízo

atrasado me achando trouxa e; troncho sufocado dentro duma

trouxa de lixo é nisso

que me fixo, É muito engraçado. quantos  árbitros agem arbitrariamen-

te,   Não marcando  falta, pênalti,  escanteio e com a gente no meio, aí

vai ao boletim e fim, Por que  será serafim? Na CBF já vimos  o tes-

te, do que  acontece e do  que se padece, Oh… Meu  Deus! Não

basta a nossa   política,  precisa   agora  o Brasil  empatar

logo na entrada da estrada sem nenhuma demora?

Será a dona Corrupção? O Brasil pode até

não perder, mas alguém pode me prender por

aqui  estar  a  escrever o que sente o meu envelhecido

coração. Quanta  saudade da bola do velho Feola,  pelo menos

eu era menino sem consciente destino, e jamais imaginei caixas de

propinas, estava  concentrado na bola de alguma menina,  era  quase

indigente  inocente, Porém, cresci e envelheci   rapidamente e de sobra

tenho  de me desiludir ao ouvir fremir essa  situação de corrupção, Cara

de pau da era moderna,  Sensor top de linha acusa e ele abusa  contradi-

tando  até  a mais  alta ciber-intervenção, Enquanto, o hipócrita afirma

trazer contra a contravenção câmeras que dizem sim e árbitro que

diz não. Vou  parar por aqui minha irmã e meu irmão, porque

senão;  Não vai dar não, vou  me lembrar de sete a um,

aí  é  soda!  Será  que é  bola do caixa dois pra

depois do jogo meu estimado senhor?

Sou insistente, será que a bola

não é redonda suficiente

em jogar a favor

da gente?

Oh... Meu Good

será que vai dar bode?

 

Já vi esse filme muito antes de dantes.

 

Apenas falei de bola, agora, a corrupção aqui impera desde o império, seu despautério

vem do tempo de Adão e ela nós nos esfola. Assim ai de mim vou acabar pedinte

de esmola. Salve a seleção brasileira, quiçá, com o caneco na mão altaneira.

Desculpe-me pela verdadeira verdade de brincadeira.

jbcampos

Exibições: 37

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Jbcampos em 27 junho 2018 às 22:53

Obrigado querida

Margarida.

Comentário de MARGARIDA MARIA MADRUGA em 25 junho 2018 às 9:43

SENSACIONAL.

Além de também "extrapolar as batidas do meu encanecido coração" eu continuo despendendo meu precioso tempo.

Abraços Estimado Poeta!

Comentário de Jbcampos em 21 junho 2018 às 2:16

Caro

Almada

tudo pode

acontecer nessa

estrada, muito obrigado.

Abraço do campos

Comentário de Jbcampos em 21 junho 2018 às 2:14

espaço é pouco

pra  se  ficar  rouco.

vamos  esperar  sexta-feira

pra ver se a gente passa pela peneira.

espero, tudo isso não seja mais uma brincadeira.

Grato, Antonio

Abraços

Comentário de Jbcampos em 21 junho 2018 às 2:13

Então Arlete você conhece

bem essa história com patriotismo.

infelizmente somos enganados pelo cinismo.

política, copa do mundo, imundos que nos aborrecem.

Beijos campônios.

Comentário de Antonio Domingos Ferreira Filho em 20 junho 2018 às 22:29

O espaço é pouco para falar o que entala na minha garganta,

Vamos esperar 6a. feira e checar resultado e placar.

A corrupção não escolhe mais causa no tempo. Quando buraco do mundo onde enfiarmos as mãos traremos cuecas com dinheiro.

Parabéns por mais esta bela publicação crônica.

Obs: Se conseguir um tempo escreverei um crônica sobe este tal Futebol Glamour Gourmet e mídias.

Comentário de Arlete Brasil Deretti Fernandes em 20 junho 2018 às 21:10

Olá, amigo.

Tenho um livro que emprestei para um senhor, onde estão escritas todas as propinas lambanças dos jogos de futebol nas copas, muito bem explicadinhas. É bem interessante e bem explicado, cita nomes.

Para mim que sou brasileira e tenho o sentimento patriótico, isto é muito triste. Sei que vc. e muitos outros também  tem este sentimento é dolorido.

Abraço.

Comentário de Elías Antonio Almada em 20 junho 2018 às 15:48

Membros

Designers PEAPAZ

*Sílvia Mota*

*Margarida*

*Nara Pamplona

*Livita*

*Imelda*

*Toninho*

Poema ao acaso...

Visitantes

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço