Voz do mar. Da cachoeira em fúria.
O comerciante de água benta na cúria.
Dedos esguios dos bambus clamam
no solar ruído que os ventos cantam,
moldando a terra sob chuva que despenca
jorros d'água sobre a pobre e tenra avenca.

Desdenhar o mundo não é nada fácil -
É como um cego em seu mundo tátil. -,
em tudo a natureza enxerida se mete
e faz a parte que lhe compete :
- O bem e o mal que se repetem
no vagar eterno das ruínas.
Tudo é viagem, cumprimento de sinas,
imbecis gargalhadas da multidão de iguais
em meio putas que a satisfaz.

E a vida é tão pouca. Choca em meus dentes
arranhando, salivando repentes,
roendo noites, autorizando açoites
num feroz combate. Fecha a porta e bate,
encara o vento, fura o agora,
modifica humores, rumina, joga fora.

Alheio ao mundo, vivendo ao léu,
na beira da estrada, exposto ao céu,
segue o cão sem roupas ou malas,
sem sonhos de atravessa-la.

Será exemplo ? Tem história ?
Será que sofre pela vida simplória ?

Ah... Essas questões !

Exibições: 77

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Paolo Lim em 22 fevereiro 2017 às 10:40

Miriam Inés Bocchio : O prazer é meu tê-la como leitora... Bjs do amigo Paolo. 

Comentário de Miriam Inés Bocchio em 21 fevereiro 2017 às 20:46

Comentário de Paolo Lim em 20 fevereiro 2017 às 21:10

María Cristina: É com igual intensidade que lhe retribuo as palavras oferecidas. Um abração do Paolo.

Comentário de Paolo Lim em 20 fevereiro 2017 às 21:08

Mauro Martins Santos: Me é até difícil externar o tamanho da honra de merecer tais comentários seus - poeta maior, referencial! Tome meu abraço com todo o afeto da admiração que me merece. Paolo. 

Comentário de Paolo Lim em 20 fevereiro 2017 às 21:04

Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ : Vindo de você, mestra dos mestres, este comentário torna-se aval para uma alegria incomensurável deste aprendiz. Peço-lhe benção e a abraço com um carinho do tamanho de minha admiração por você. Paolo. 

Comentário de Paolo Lim em 20 fevereiro 2017 às 20:59

Lúcia Cláudia Gama Oliveira: Vindas de você, à quem me nomeei Presidente do Fã Club, essas palavras são como bálsamos. Obrigado ! Bjs do Paolo.

Comentário de Paolo Lim em 20 fevereiro 2017 às 20:57

Mônica do S Nunes Pamplona : Ah minha mestra! Nem sei como fazer para agradecer e retribuir tantos carinhos que me proporciona. Aceite mais um beijo do seu discípulo Paolo.

Comentário de Paolo Lim em 20 fevereiro 2017 às 20:55

Janete Francisco Sales Yoshinaga: Fico profundamente tocado por tê-la proporcionado reflexões. Sinto-me não só compensado como agradecido pelo seu comentário. Bjs do Paolo.

Comentário de Paolo Lim em 20 fevereiro 2017 às 20:50

Lais Maria Muller Moreira : Sua palavras sempre calam fundo neste seu amigo e admirador. Um beijo prá lá de agradecido. Paolo.

Comentário de Paolo Lim em 20 fevereiro 2017 às 20:49

Elías Antonio Almada : Amigo, você sabe o quanto me sinto honrado com sua presença. Obrigado. Abraços do Paolo.

Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Aniversários

Poema ao acaso...

PLATAFORMA LATTES

É possível registrar, para efeitos acadêmicos, os textos publicados no Portal PEAPAZ. Quando se realiza o login na Plataforma Lattes, do lado direito da tela aparece uma janela com a pergunta: "O que você quer registrar?" com a listagem dos tipos de publicações a serem registradas. Entre essas, consta: "Redes Sociais, Websites, Blogs", onde o autor deverá clicar. A partir daí abrirá uma janela, na qual se realizará o registro. É necessário preencher todos os espaços.

Badge

Carregando...
*