Sibilando o sonho,
civilmente me ponho
examinando o ponto,
vírgulas do espanto,
desequilibrando.

Identifico plágios,
denuncio ágios.
xingo banqueiros,
atuais bucaneiros
da população acuada,
lesada, explorada
pela administração
cooptada, enferrujada,
despreparada.

Obro protestos,
não admito restos
para o povo que paga,
se esforça, rala,
e ao final se cala.

Alimento fogueiras,
faço clareiras,
acentuo meus esforços,
mergulho nesses poços
me encharco d' água turva,
mobilizo a turba.

Resistir é meu desejo,
contra ordens de despejo,
encarar o "Teje preso"
e a eclosão do medo.

O povo é frágil,
o inimigo é ágil.
O considera manipulável.

Exibições: 132

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Paolo Lim em 22 abril 2017 às 9:19

Te beijo pela força e amizade, Sandra Galante. Obrigado.

Comentário de Sandra Galante em 21 abril 2017 às 19:16

Excelente Paolo! Em boa hora! Bjos

Comentário de Paolo Lim em 21 abril 2017 às 13:59

 Elías Antonio Almada: Suas palavras, sempre incentivadoras, calam fundo no coração deste amigo. Obrigado. Abraços do Paolo.

Comentário de Paolo Lim em 21 abril 2017 às 13:58

José Hilton Rosa: A soma dos desejos é fundamental para a força que contesta. "Tamo junto". Abraços do Paolo.

Comentário de Paolo Lim em 21 abril 2017 às 13:56

 Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ : O seu destaque completa e cobre de honra o meu trabalho. Agradeço e sigamos na nossa luta sem trincheiras em prol de dias menos cruéis para o povo que paga Bjs do seu fã, Paolo. 

Comentário de Elías Antonio Almada em 21 abril 2017 às 12:29

Comentário de José Hilton Rosa em 21 abril 2017 às 9:14

Parabéns Paolo! resistir é meu desejo também... apenas desejo, porque não tenho força suficiente. 

Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 21 abril 2017 às 3:59

Querido amigo, poeta e escritor Paolo Lim,

Dos teus versos, goteja a tragédia de um povo "frágil", que se quer frágil.

E o "inimigo [...] ágil" prolifera.

Lamentável, pois.

Beijossssssssssssssssss

Comentário de Paolo Lim em 20 abril 2017 às 22:24

 Zeca Feliz Avelar Abraça-lo, agradece-lo e saudá-lo, inspira e pira. De coração. Abraços do Paolo.

Comentário de Zeca Feliz Avelar em 20 abril 2017 às 18:06

UAU...

insPIRADA insPiração

que doi no coração!!!

...

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...