Dedico-te a nudez de um coração sincero
Melífluas emoções em versos reveladas
Princesa, estás aqui, aos brados te venero
Coberto do fervor de inspirações aladas

Que chegue minha voz ao teu ouvido espero
E pouse, abrasadora, em sendas intocadas
Tu és fascinação, em ti flanando quero
Delírios juvenis... Viagens tresloucadas!

Encharca-me o suor dessa inquietude boa
O pensamento atrás de maravilhas voa
Fazendo se calar por um instante o santo

Buscando a imensidão de um paraíso lindo
Nos braços teus despejo o regozijo infindo
Provado ao mergulhar em teu sutil encanto

Exibições: 23

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Sílvia Mota em 7 outubro 2017 às 10:26

 Beleza encantada, sob o formato de um soneto.

Muito, muito belo!

Parabéns, querido poeta!

Beijossssssssssss

Membros

Designers PEAPAZ

*Sílvia Mota*

*Nara Pamplona

*Livita*

*Margarida*

 *Imelda*

*Toninho*

Poema ao acaso...

Visitantes

Liv Traffic Stats

Mídias Sociais

View Sílvia Mota ***'s profile on LinkedIn

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço