É fácil me fazer feliz.
Basta chegar devagarinho
Sem muito alarde e sentar-se ao meu lado.
Basta um sorriso e permanecer calado.
Não precisa ser muito tempo.
Só o tempo suficiente de sentir o calor
Do amor que trás dentro de si.
É cativar , tem que ser devagarinho,
Passo a passo no caminho.
Ganhando tempo enquanto contorna as dificuldades que aparecem
Mas sabendo que não se está sozinho.
É fácil me fazer feliz!
Basta ser sincero.
É tudo o que eu espero para a construção.
É o caminho mais seguro
De se chegar a um coração .
Sorria sempre ; e se chorar não se esconda.
Saberei estender a mão .
Ser feliz é ter a alma livre,
Limpa e transparente,
Sempre pronta a estar no lugar do outro
Para mim, ser feliz
É saber ser irmão .
Simples assim.
Posso andar calçada ou com os pés no chão .
É ser feliz só por isso...

Exibições: 60

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Nilson da Cunha Gonçalves em 23 outubro 2014 às 13:40

Paralelo à beleza do poema há verdades irretocáveis: saber estender a mão, ter a alma livre, limpa e transparente, que não se esconde. Mas o mais difícil para o ser humano talvez seja se colocar no lugar do outro. O mundo haverá de melhorar quando as pessoas sensíveis tiverem a sensibilidade de trocar de lugar com o outro. Assim como no poema "Divisa" de Jacob Levy Moreno:

       “Um encontro de dois: olhos nos olhos, face a face.

       E quando estiveres perto, arrancar-te-ei os olhos

                   E colocá-los-ei no lugar dos meus;

                   E arrancarei meus olhos

                   Para colocá-los no lugar dos teus;

                   Então ver-te-ei com os teus olhos

                   E tu ver-me-ás com os meus...”

Comentário de Lais Maria Muller Moreira em 23 outubro 2014 às 10:09

Letras que passeiam compondo linda melodia

Parabéns!

beijo Odete

Comentário de Mônica do S Nunes Pamplona em 23 outubro 2014 às 1:30

A felicidade não exige muito. Quer apenas ser feliz, quiça da forma mais simples.

Encantador poema.

Parabéns.

Bjssss

Comentário de Sílvia Mota em 23 outubro 2014 às 1:19

Membros

Designers PEAPAZ

*Sílvia Mota*

*Margarida*

*Nara Pamplona

*Livita*

*Imelda*

*Toninho*

Poema ao acaso...

Visitantes

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço