Tango da vida!

 

 

Passos da própria vida

Idas e vindas...

Das fragrâncias às bebidas

Amargas da vida...

Simples o caminho,

Intenso seja vivido.

Tu és o meu eu atingido,

Ora rosa... Ora espinho.

Nuance no fino vinho...!

Cláudia Gama - PEAPAZ

14- 01-2014

Exibições: 165

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Comentário de Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 17 novembro 2015 às 23:53

Saudades suas poeta!

Obrigada.

Bjs

Comentário de Eduardo Eugênio Batista em 15 novembro 2015 às 0:57

Ah..., e esse tango tens tantos tons. Devemos ouvir e falar conforme a nossa sapiência ou dançaremos desconforme a música. Bjsss do Edu.

Comentário de Maria Iraci Leal em 14 novembro 2015 às 20:13

Comentário de Mônica do S Nunes Pamplona em 14 novembro 2015 às 1:36

Verdadeira música, cantada para a vida.

Lindo, demais.

Parabéns, amiga.

Quero mais, mais,...

Bjsssss.

Comentário de Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 21 janeiro 2014 às 22:54

Janete querida.

Comentário de Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 21 janeiro 2014 às 22:51

Agradeço poeta Elias.

Abraço.

Comentário de Lúcia Cláudia Gama Oliveira em 21 janeiro 2014 às 22:46

Obrigada Sílvia Mota.

Adorei o carinho.

Beijos

Comentário de Janete Francisco Sales Yoshinaga em 16 janeiro 2014 às 5:32

Hora rosa...hora espinho!

Viver é isto mesmo!

Belo poema...Amei!

Meus Aplausos

Beijos querida amiga do coração

Comentário de Elias Akhenaton em 15 janeiro 2014 às 13:21

Beleza e suavidade que encanta... Parabéns poetisa amiga!

Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Sílvia Mota Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ em 14 janeiro 2014 às 21:12

Membros

Poema ao acaso...

Portal para 38 Blogs-Sílvia Mota

Badge

Carregando...