Todos os posts (6359)

Classificar por

Leveza

 

 

8907275863?profile=RESIZE_180x180

 

Leveza

 

Ando por ai

Talvez já nem ande

Sinto a leveza com que me desloco

Meus passos, são mais silenciosos

Há um vazio, que me absorve e anula

Se vês as pegadas

Da minha passagem

Enganaste….

São rumores suaves

Que não deixam marcas

De alguém que por ai pass

Saiba mais…
Comentários: 0
PRATA PEAPAZ

Jazz

 

 

8900582695?profile=RESIZE_584xAcordes fogem da harmonia. 

 Sons crescem descompassados  

 Ecoando desejos em...

 fôlegos esparsos. 

    

 Notas suaves serpenteiam 

  arpejos embriagando sentidos.    

 corpo canta, sibila prazer

 soando em ritmo afinado 

 

É música noite adentro.

No descan

Saiba mais…
Comentários: 0

Homenagem a todas as mães

 

 

8882809284?profile=RESIZE_180x180

 

 

 

 

Homenagem à todas as mães


No mundo do silêncio
Descodifico apenas
as mensagens
da tua presença
Como eu sei que elas
Vem de ti?
Há algo no ar e um perfume
O silêncio tem cor
e cheira a jasmim
É suave e indicia
que estás aqui
Como eu sei? Não sei

Saiba mais…
Comentários: 2

O QUE VAIS FAZER?

“O que vais fazer com a tua única vida?”, fala do filme "Nunca desistas"

****************

A questão coloca -se...

A resposta espera-se...

A vida aquieta-se em ti,

espera.

Uma ou outra vez inquieta-se, sacode-se, tremula,

interroga-te.

E tu?

Ficas a alisar as

Saiba mais…
PRATA PEAPAZ

Deusa louca

 

 

8875267074?profile=RESIZE_400xCansada de ficar solitária ante tantos desditos, saiu em uma tarde como uma deusa louca.

Despenteada em gritos roucos rasgou sua roupa e na desdita sina de ser sombra

que apenas escorria nos muros,entreou nos bares à procura dos boôemios

O aroma de

Saiba mais…
Comentários: 1
PRATA PEAPAZ

Infinitude

 
 
8794154860?profile=RESIZE_400x
 
Seu último momento de amor foi
 tão fresco e doloroso como 
  a juventude transplantada através
 do tempo com seus olhos brilhando
  de amor, bêbados de sol sentindo
 a carícia deslizar levando
  em doce desabrochar...
O amor inflou como uma vela
com a re
Saiba mais…
Comentários: 3

Exorcismo e recomeço...

Que silêncio sinto por aqui...

Onde estão os que enchiam este espaço 

de palavras e sorrisos,

de inspiração e criatividade,

de interacção e amizade?

 

Vivem? Morreram? Pairam no limbo

onde a vida fica em suspenso?

Ou perderam-se na amargura dos elementos

a co

Saiba mais…

VOLTEI...

Caríssimos/as amigos/as,

Estou de volta ao vosso convívio e espero que desta vez seja por muito tempo.

Tenho andado numa roda viva e o meu pc não tem ajudado, pois está mais lento que caracol em dia de verão.

Mas ainda assim, agora que a criadora do por

Saiba mais…

O Espelho

 

 


8744866301?profile=RESIZE_710x

O Espelho

Tamanha metamorfose em mim opera a natureza
Trespassa-me sem sentido ,ou juízo humano
Acho-me ao espelho, sombrio desencanto
A parte admissível em mim, me angustia
E dentro da minha alma, o fim da reflexão
Razão de ser vencida , de me

Saiba mais…
Comentários: 1
PRATA PEAPAZ

Borboleta cega

 
8755746873?profile=RESIZE_584xE a noite chega como uma farsa.
Num instante, ela se insinua como uma parceira
 alquebrada de uma esplêndida aliança fria e 
exigente de um passado nem sempre cálido
sendo assim,prefiro manter  lembranças não
 importa o quanto dolorosas sejam.
Às vezes as
Saiba mais…
Comentários: 3

Amar

amor-arvore.jpg?fit=1920%2C1200&ssl=1

Amar
Que pode uma criatura senão,
entre criaturas, amar?
amar e esquecer, amar e malamar,
amar, desamar, amar?
sempre, e até de olhos vidrados, amar?

Que pode, pergunto, o ser amoroso,
sozinho, em rotação universal,
senão rodar também, e amar?
amar o que o ma

Saiba mais…
Comentários: 1

Flagelo

 

 

8366957264?profile=RESIZE_710x

Flagelo

 

Na planície, ponho-me a escutar

a paisagem ,calada e quieta

Nem um som se escuta

Silenciada está a terra

Contudo, o céu está azul brilhante

As nuvens apressam-se

Crescem ervas daninhas

Murcham as papoilas

Aspeto de que tudo findou

Uma sombra fug

Saiba mais…
Comentários: 5

A teia da vida

 

 

 

 

 

8752676262?profile=RESIZE_710xA teia da vida

No enredo da vida,

que extravagante se debate.
Ficou presa nessa artimanha,

que a incomoda.

Ninguém lhe mandou

meter-se na boca do lobo

e agora que ninguém a veja

ou apenas a visione
uma flor resplandecer como cristal.
Mas é golpe f

Saiba mais…
Comentários: 0