POEMA TRIVIOLETRA TC: CHOVIA

 

hove em seus olhos // NA SUA TRISTEZA // é inverno (1)

H oje transfigurado // saudade bisonha // a alma entristece... (3)

O rvalho e nada // chove apenas saudade // madruga sol tórrido. (4)

ale florido // sulcos d'agua fresca // alma lavada (2)

I nverna em meu coração // meu grito chorado. // E há flores...(6) 

A lvas transluzentes // lágrimas profusas // metamorfose (5)

 

Rafael Mérida - 1

Chantal Fournet - 2, 6

Sílvia Mota - 3 

João Furtado - 4

Laís Müller - 5

.

.

POEMA TRIVIOLETRA TS: CHOVIA

 

C hove em seus olhos // NA SUA TRISTEZA // é inverno (1)

ale florido // sulcos d'agua fresca // alma lavada (2)

oje transfigurado // saudade bisonha // a alma entristece... (3)

O rvalho e nada // chove apenas saudade // madruga sol tórrido. (4)

lvas transluzentes // lágrimas profusas // metamorfose (5)

I nverna em meu coração // meu grito chorado. // E há flores...(6) 

Exibições: 78

Respostas a este tópico

Laís Müller – 5

Bela frase, na metamorfose que produz o grito forte, o lacrimejar torna-se uma lua cristalina. Esta é a chuva.

 Dom Rafael que interpretação mais poética! Lacrimejei ao perceber toda a verdade contida...

Grata, mui grata, pelo feliz poema em resposta!

beijos

Querida Laís........ 

 

I nverna em meu coração // meu grito chorado. // E há flores...(6) 

Chantal Fournet -6

Belo trópico, O choro, inventando uma lembrança, também significa sucessivas perpetuações (que as abrigam em seu coração) Depois da tempestade vem a paz e tudo é Florido.
Parabéns

Amada Chantal, não poderia haver um conclusivo t mais perfeito...

Amei , amei e amei de coração!

beijos

Beijos de poesiaaaaaa

RSS

Membros

Aniversários

Designers PEAPAZ

*Sílvia Mota*

*Nara Pamplona

*Livita*

*Margarida*

 *Imelda*

*Toninho*

Poema ao acaso...

Visitantes

Liv Traffic Stats

Mídias Sociais

View Sílvia Mota ***'s profile on LinkedIn

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço