Velhice

A pele estremece

e se esfacela

nas brumas da ilusão.

Bengala do amor

açoita o medo

e ausculta o coração.

Ranço do passado

espicaça o presente

e ameaça o futuro.

...............

Dores entrelaçadas

que se sustentam

nas saudades do pecado.

JCVMoura

11-08-2017 - 22h30

Exibições: 22

Comentar

Você precisa ser um membro de Poetas e Escritores do Amor e da Paz para adicionar comentários!

Entrar em Poetas e Escritores do Amor e da Paz

Membros

Designers PEAPAZ

*Sílvia Mota*

*Margarida*

*Nara Pamplona

*Livita*

*Imelda*

*Toninho*

Poema ao acaso...

Visitantes

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço